Cuiabá, 20 de Setembro de 2019

ARTIGOS/UNICANEWS
Segunda-feira, 08 de Abril de 2019, 15h:38

LUCY MACEDO

Obrigada Cuiabá, pela hospitalidade e carinho

Nesta segunda-feira (08 de abril), Cuiabá completa 300 anos. Com uma agenda cheia de ações para marcar seu tricentenário. Desde sua fundação até as comemorações dos 300 anos, obviamente, 'muita água passou debaixo da ponte'. Mas mesmo as mudanças não foram capazes de enterrar a rica história da cuiabania, apesar de sua população ter aumentado em 10 vezes, nesses últimos 50 anos.

Aqui nesta terra hospitaleira estou há mais de três decadas. Vim do Paraná, de uma cidadezinha chamada Tapira. Assim, não sou cuiabana de 'chapa e cruz' [expressão para quem nasceu aqui], mas sou 'pau fincado' [também conhecido como pau rodado para definir aqueles que vieram de fora]. E nunca mais quero sair daqui, pois Cuiabá é meu grande amor. Onde tive meu filho, Benício Macedo Martins, um cuiabaninho de 5 anos, que é a razão da minha vida.

Em busca de uma oportunidade de trabalho e de estudo; sozinha e sem nenhuma condição financeira, obviamente, como muitos passei dificuldades, até encontrar meu primeiro emprego 'de gente grande', como costumo dizer, no Banco Itamaraty. Já que comecei a trabalhar aos nove anos vendendo Avon de porta em porta. Aliás, foi vendendo cosméticos e perfumes que pude comprar meu primeiro sapato.

De pais pobres, moramos em Denise, município ao norte de Mato Grosso, embaixo de um encerado. Depois mudamos para a capital. Desde então nunca mais morei em outro lugar e tenho Cuiabá como minha cidade, minha casa pra onde sempre volto. Pois foi esta cidade querida que me acolheu e onde construí amizades para uma vida inteira.

Também comigo na capital estão meus pais, minha referência de vida e que me ensinaram do quanto temos que ter orgulho da história que construímos. E é por meio da luta deles, que tiveram ao todo cinco filhos, que sei hoje o quanto sou uma vencedora. Pois nos momentos mais difíceis da minha vida, eles me ensinaram que os guerreiros não desistem e que Deus só dá ao homem a carga que ele pode carregar.

E foi acreditando que lutas são experiências e que dores são desafios capazes de nos transformar em pessoas melhores, que nunca desisti. Ao contrário, sou muito grata a Deus e a Cuiabá, pois foi aqui que realizei os maiores projetos de minha vida.

Assim, quando esta cidade linda e cheia de histórias comemora seu tricentenário, posso de coração aberto e cheio de gratidão, só agradecer por tudo que recebi dela e dos que moram nela. E do quanto me orgulho de vê-la crescer, observando como empresária na área de comunicação suas transformações políticas, tecnológicas, sociais e culturais.
Assim, a esta gente hospitaleira e a esta cidade maravilhosa por tudo que tem me oferecido, só posso dizer: gratidão.

Lucy

Lucy Macedo é mãe, empresária e diretora do site Única News e da revista Única

 


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO




VÍDEO PUBLICIDADE