Única News

Sexta-feira, 12 de Abril de 2019, 15h:38

‘Indefinição desestabiliza o Senado’, diz Fagundes sobre cassação de Selma

Euziany Teodoro e Fernanda Nazário
Única News

O senador por Mato Grosso, Wellington Fagundes (PR), falou à imprensa sobre a decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), que cassou com unanimidade o diploma da senadora Selma Arruda (PSL), e afirmou que um momento como este desestabiliza a bancada federal.

Para ele, a cassação de alguém eleito pela maioria, causa um “trauma”. “Vivemos uma democracia. A população votou e escolheu. Quando você cassa alguém eleito pela maioria, não deixa de ser um trauma, mas temos uma legislação, que temos que seguir. O TRE definiu, mas ela ainda tem o direito de recorrer”, disse.

Na opinião de Fagundes, Selma deveria continuar no cargo. “Nós estamos num excelente relacionamento e trabalho conjunto. Quando passa por um momento de interrupção como esse, desestabiliza, porque fica um momento de dúvida. Tudo isso leva a uma certa indefinição. Para nós seria melhor que ela concluísse (o mandato)”.

Apesar de defender que Selma termine o mandato, Fagundes garantiu que o Partido da República, do qual é presidente regional, estará na corrida, caso seja confirmada nova eleição ao Senado.

“Não estamos discutindo internamente ainda, porque ainda não podemos falar em quanto tempo pode acontecer. Vamos deixar correr com tranquilidade e normalidade. Se tiver nova eleição, o PR vai participar”, afirmou.


Fonte: Única News

Visite o website: www.unicanews.com.br