Cuiabá, 15 de Dezembro de 2019

POLÍCIA
Terça-feira, 05 de Novembro de 2019, 15h:51

INQUÉRITO ENCERRADO

Assassino de jornalista Marcelo Ferraz é indiciado por homicídio qualificado

Elloise Guedes
Única News

(Foto: Reprodução)

Durante coletiva de imprensa, na tarde desta terça-feira (5), o delegado da Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP), Fausto Freitas, informou que já foi encerrado o inquérito da morte do jornalista Marcelo Leite Ferraz, de 38 anos, que foi encontrado morto em um terreno baldio, no bairro Bosque da Saúde, em Cuiabá.

Segundo o delegado, a versão do indiciado Jonh Lennon da Silva, de 21 anos, foi contraditória. As investigações apontaram que a vítima e o suspeito teriam se desentendido por conta de drogas. O inquérito foi finalizado e entregue ao Fórum.

Em seu primeiro depoimento na delegacia, Jonh Lennon relatou que teria matado o jornalista ao flagrar sua namorada fazendo sexo oral na vítima. O delegado afirmou que essa versão não é verdadeira.

"No momento do fato, não haviam testemunhas oculares de modo que quem pode dizer exatamente o que aconteceu, seria a vítima ou o acusado, que preferiu dar uma versão contrária da realidade. Mas, pelas investigações, confirma-se que ele teria tido um desentendimento com a vítima relacionado à droga", disse o delegado.

As investigações também apontaram que a vítima não foi estuprada. Ao ser encontrado, o corpo de Marcelo estava com as calças abaixadas, o que indicaria abuso sexual, como foi informado no início das investigações. O delegado descartou essa hipótese.

John Lennon foi preso na noite de 1º de outubro, no bairro Baú, na capital e encaminhado à delegacia, onde confessou o crime. O acusado continua preso e foi indiciado por homicídio qualificado.

O caso

Após ficar dois dias desaparecido, o jornalista Marcelo Leite Ferraz, foi encontrado morto em um terreno baldio, no bairro Bosque da Saúde, em Cuiabá, no dia 30 de setembro.

O exame de necropsia apontou que ele morreu em decorrência de traumatismo craniano. Ele foi morto a pedradas e pauladas.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO




VÍDEO PUBLICIDADE