Cuiabá, 17 de Outubro de 2019

POLÍCIA
Segunda-feira, 08 de Abril de 2019, 08h:30

DEU NO FANTÁSTICO

Dono da Sport Cars é investigado por ter aplicado golpes em outros estados

Única News
Da Redação

(Foto: Rogério Florentino)

Foi exibido no último domingo (7), o golpe da garagem de carros importados Sport Cars, em Cuiabá, o caso teve destaque nacional no programa Fantástico, da rede Globo.

O crime de estelionato que fez cerca de 50 vítimas na Capital, que deixaram os carros na empresa, para venda, de forma consignada e foram lesadas pelos proprietários, que desapareceram com o dinheiro deles.

O dono da empresa, Marcelo Sixto já teria sido preso anteriormente por aplicar o mesmo golpe nos estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Conforme as denúncias, Marcelo revendia veículos deixados em consignação e não repassava o dinheiro aos proprietários.

O programa mostrou que o prejuízo seria de ao menos R$ 11 milhões. Os prejudicados registraram boletim de ocorrência e entraram com ações na Justiça.

Os proprietários da empresa são o casal Marcelo Sixto e Thays Davale. Eles entraram com pedido de falência no dia 27 de março, alegando dívida de R$ 11 milhões.

A reportagem mostrou como Marcelo conquistou a confiança das vítimas e depois as enganou, promovendo viagens internacionais.

No dia 28 de março, a loja que ficava na Avenida Miguel Sutil, amanheceu fechada e os clientes alegam que não conseguiram mais contato com o responsável.

De acordo com o advogado do casal, Elvis Antonio Klauk Junior, os empresários passam por sérias dificuldades econômicas e têm sofrido ameaças de morte. Eles negam os golpes e afirmam que irão responder as acusações na Justiça.

O golpe veio à tona a partir da denúncia da venda de Camaro Amarelo, uma Land Rover e um Mercedez E-250, dos quais a empresa não teria repassados o dinheiro ao donos.

O caso

De acordo com dois boletins de ocorrência obtido pelo Única News, o empresário assinava um contrato para comprar o carro e assim que a vítima já entregasse o veículo, ele repassava para um comprador. Para as vítimas, ele dizia a mesma coisa, de que no mesmo dia faria o depósito do valor acordo. Sem receberem o valor, os compradores resolveram ir até a loja e encontrou ela vazia.

Um dos golpes foi com um carro de luxo, modelo Camaro Amarelo, em que a vítima acordou um valor com o empresário de R$ 125 mil. E após assinarem o contrato de consignação e termo de responsabilidade, o valor deveria ser depositado no dia 9 de março. Porém, o pagamento não foi feito. À polícia, a vítima relatou que teria recebido informações de que o carro estava em Primavera do Leste (a 237 km de Cuiabá).

Já em outro boletim consta que o dono de uma Land Rover/Jaguar, chegou entrou em contato com o empresário, tirou fotos do veículo e mandou para o Marcelo. A vítima relatou ainda no BO, que chegou ir até a loja e Marcelo tirou várias fotos do carro de luxo, mas ele se negou deixar o carro na garagem, depois de Marcelo não garantir o pagamento do carro.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO




VÍDEO PUBLICIDADE