Cuiabá, 17 de Outubro de 2019

POLÍCIA
Domingo, 15 de Setembro de 2019, 11h:01

PARA O CHEFE

Homem que matou namorada estrangulada teria mandado mensagem confessando crime

Única News
Da Redação

(Foto: Reprodução)

O suspeito Valdir Gomes de Lima, de 48 anos, acusado de matar estrangulada a namorada, Maria Lucia Lustosa Sabino, de 54 anos, teria mandando mensagens para o chefe dele, na madrugada de sábado (14), confessando que matou a mulher. O assassinato aconteceu no bairro Jardim Aeroporto, em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá.

Conforme as imagens, Valdir mandou mensagens para o chefe, por meio do aplicativo de mensagens WhatsApp, contando que matou Lúcia porque ela fazia muita cobrança.

A mensagem mostra ainda, que o suspeito já havia mandado mensagem para o chefe avisando que mataria Lucia e se matava depois. “Lembra que te falei hoje, vou matar Lúcia e vou me matar. Muita cobrança”, disse Valdir na mensagem.

O chefe, que não foi identificado, não respondeu as mensagens do suspeito, que horas depois ele o procura novamente dizendo “E aí cadê urgente”, mas continuou sem resposta.

A Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), está investigando o caso. Valdir está sendo procurado.

Entenda o caso

(Foto: Arquivo Pessoal)

mulher vg

 

Maria Lúcia Lustosa Sabino, de 54 anos, foi assassinada, nesse sábado (14), no apartamento dela. O Sobrinho da vítima relatou, que teria ido até a casa de Maria Lúcia e que ao bater na porta do apartamento não obteve resposta. Por causa disso, teve que arrombar a porta e encontrou a a tia em óbito em cima da cama.

Conforme a PM, testemunhas disseram que viram o suspeito saindo do local em uma motocicleta.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO




VÍDEO PUBLICIDADE