Cuiabá, 22 de Outubro de 2019

POLÍTICA
Quinta-feira, 19 de Setembro de 2019, 17h:05

BRIGA PELO SENADO

Em vídeo no Facebook, Blairo Maggi deixa claro: ‘não serei candidato’

Euziany Teodoro
Única News

(Foto: Agência Brasil)

Desde que foi confirmada a cassação, no Tribunal Regional Eleitoral (TRE), do mandato da senadora Selma Arruda (Podemos), vários “pré-candidatos” colocaram seus nomes à disposição e outros, contra a vontade, vêm sendo citados como possíveis concorrentes à vaga. É o caso do ex-governador e ex-ministro Blairo Maggi.

Essa semana ele voltou a figurar na imprensa local e nacional como alguém “se preparando” para a possível eleição suplementar ao Senado, caso o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) confirme a perda de mandato de Selma.

Em suas redes sociais, na tarde desta quinta-feira (19), Blairo deixa claro: “não serei candidato”.

“Tem surgido na imprensa, de Cuiabá e também de outros locais nacionais, de que eu estaria me preparando pra uma suposta eleição suplementar que pode ter no estado de Mato Grosso. Quero dizer a vocês que não pretendo, não quero, não desejo e não disputarei nenhum cargo eletivo. Tenho afirmado isso desde o final de 2017, quando comuniquei a todo meu grupo político de que estaria fora da política definitivamente”, disse.

Para evitar que outras pessoas preparem seus projetos para uma possível eleição “pensando” se ele vai concorrer ou não, mandou o recado. “Então vou aproveitar para deixar com que as coisas andem e sem ter que ficar explicando, que as pessoas ficam fazendo seus projetos baseados em outros, então quero deixar muito claro que não participarei deste pleito eleitoral”.

Selma Arruda foi cassada pelo Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE), por unanimidade, no dia 10 de abril, por suposta prática de Caixa 2 e abuso de poder econômico, na campanha eleitoral de 2018. Ela já entrou com vários recursos, inclusive na instancia superior, o Tribunal Superior Eleitoral.

A decisão definitiva deve ser dada nas próximas semanas e, em caso de mantida a cassação, novas eleições para uma vaga no Senado serão realizadas.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO




VÍDEO PUBLICIDADE