Cuiabá, 09 de Dezembro de 2019

POLÍTICA
Quinta-feira, 13 de Junho de 2019, 11h:48

APÓS DENÚNCIAS

Prefeitura não foi notificada, mas apoia auditoria do Ministério da Saúde no Pronto-Socorro

Euziany Teodoro
Única News

(Foto: reprodução)

A Prefeitura de Cuiabá informou que ainda não foi notificada, no entanto apoia, a noticia de que o Ministério da Saúde vai fazer uma auditoria no Pronto-Socorro de Cuiabá, nos próximos dias. A informação veio à tona nesta quinta-feira (13), após a senadora Selma Arruda (PSL) se reunir com o ministro Luiz Henrique Mandetta e anunciar a auditoria já para os próximos dias.

Segundo a senadora, após receber denúncias de falta de medicamentos e insumos na unidade hospitalar, e uma visita informal no dia 17 de maio, decidiu se reunir e oficializar o Ministério da Saúde sobre as condições do hospital, em Cuiabá.

Ao Única News, a Prefeitura de Cuiabá informou que o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) tem acompanhado de perto as denúncias e a situação da unidade. “Em vários casos de denúncia, verificados in loco pela equipe da Secretaria, foi detectado que todo o estoque estava abastecido. Inclusive, a Secretaria apura possível boicote”.

Mandetta teria dito à senadora que, quando esteve em Cuiabá, pôde comprovar que a situação da Saúde na capital de Mato Grosso não vai bem e que está preocupado com a diferença na qualidade do atendimento entre as unidades de Saúde públicas e privadas.

“A diferença de atendimento entre os hospitais públicos e privados está muito grande. Eu vou mandar fazer a auditoria em Cuiabá, vou provocar a Auditoria e Controladoria Geral da União, que são nossos braços para essa demanda. Vou mandar junto uma equipe do Ministério da Saúde”, teria dito o ministro, segundo assessoria de imprensa de Selma Arruda.

Ciente que o Pronto-Socorro de Cuiabá não funciona a contento, Emanuel Pinheiro informa que tem trabalhado pela entrega do novo Hospital Municipal de Cuiabá, que já inaugurou três etapas, todas aprovadas pelo ministro Mandetta.

“Reforça que o prefeito Emanuel Pinheiro, desde que assumiu o mandato, disse que a estrutura do atual Pronto Socorro não é o ideal para receber a população e os profissionais da saúde. Justamente por isso, trabalhou junto à equipe da Secretaria Municipal de Saúde para a conclusão do Hospital Municipal de Cuiabá (HMC), que já foi entregue em três etapas, acompanhado e elogiado pelo Ministério da Saúde, Henrique Mandetta, como uma das principais obras em saúde pública do Brasil”, diz a nota.

Confira a nota da Prefeitura na íntegra.

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Sobre a auditoria determinada pelo ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, no Hospital Municipal e Pronto Socorro da Capital (HMPSC), a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) informa que:

- Não foi notificada pelo Ministério da Saúde, Auditoria Geral da União (AGU) ou Controladoria Geral da União (CGU);

- Apoia a realização da auditoria para esclarecer questionamentos relacionados a estrutura e insumos da unidade hospitalar;

- Lembra que a Secretaria e o prefeito Emanuel Pinheiro têm acompanhado de perto os questionamentos sobre a possível falta de insumos. Em vários casos de denúncia, verificados in loco pela equipe da Secretaria, foi detectado que todo o estoque estava abastecido. Inclusive, a Secretaria apura possível boicote.

- Reforça que o prefeito Emanuel Pinheiro, desde que assumiu o mandato, disse que a estrutura do atual Pronto Socorro não é o ideal para receber a população e os profissionais da saúde. Justamente por isso, trabalhou junto à equipe da Secretaria Municipal de Saúde para a conclusão do Hospital Municipal de Cuiabá (HMC), que já foi entregue em três etapas, acompanhado e elogiado pelo Ministério da Saúde, Henrique Mandetta, como uma das principais obras em saúde pública do Brasil.

Secretaria Municipal de Saúde


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO




VÍDEO PUBLICIDADE