Cuiabá, 19 de Outubro de 2019

POLÍTICA
Quarta-feira, 09 de Outubro de 2019, 11h:54

DESAFOGO NAS CONTAS

Treze cidades de MT recebem R$ 1,5 milhão para a saúde

Única News
(Com assessoria)

Foto: (Reprodução/Web)

Treze cidades de Mato Grosso receberam reforço em caixa nos últimos dois meses, após indicação do deputado federal Dr. Leonardo (Solidariedade-MT). Trata-se de R$ 1,5 milhão indicados ao orçamento do Ministério da Saúde e que já foram pagos para execução pelas prefeituras. Até o final do ano, outras cidades devem ser contempladas na área da saúde. 

Médico por formação, o Dr. Leonardo tem priorizado amparar os municípios de Mato Grosso na atenção básica ou atenção primária em saúde, que é conhecida como a "porta de entrada" dos usuários no sistema de saúde. Com o repasse do MS, as secretarias municipais de saúde poderão fortalecer a implantação de estratégias, programas e políticas de atenção básica do Sistema Único de Saúde (SUS).

Mesmo sem ter direito às emendas neste ano o deputado Dr. Leonardo já executou várias indicações extra orçamentárias e até o final do ano tem trabalhado para a liberação de custeio para várias secretarias municipais de saúde que estão com muita dificuldade financeira. Até agora, foram beneficiadas: Alto Garças, Campos de Júlio, Cocalinho, Conquista D’Oeste, Jauru, Alto Araguaia, Aripuanã, Canabrava do Norte, Chapada dos Guimarães, Colíder, Confresa, Santo Afonso e Juruena.

O deputado vem trabalhando para liberar recursos para custeio da atenção básica em saúde a vários municípios, entre eles para Cáceres, cidade prioridade pelo seu mandato, junto com todos municípios da Região Sudoeste e Oeste.

“A atenção básica funciona como um filtro capaz de organizar o fluxo dos serviços nas redes de saúde, dos mais simples aos mais complexos. Conheço de perto essa realidade, por isso, trabalho para ajudar as cidades no custeio de ações que estão beneficiando diretamente a população como, por exemplo, a Estratégia de Saúde da Família (ESF)”, afirmou o deputado federal.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO




VÍDEO PUBLICIDADE