Cuiabá, 19 de Novembro de 2019

RADAR NEWS
Domingo, 20 de Outubro de 2019, 08h:12

ASSISTÊNCIA SOCIAL

Advogado cria instituto para garantir direitos a pacientes com câncer

Única News

(Foto: Assessoria)

O presidente do Instituto Mário Cardi Filho, Ussiel Tavares, usou a tribuna da Câmara de Vereadores de Cuiabá essa semana para propor o desenvolvimento de ações conjuntas que visam “garantir mais dignidade” a pacientes em tratamento do câncer, divulgar seus direitos e também buscar meios de acesso pela via judicial.

Dentre os direitos que podem ser acessados, Tavares citou “a quitação de financiamentos, aposentadoria, acesso à medicação gratuita e alimentação suplementar”, benefícios que muitas vezes pacientes e familiares não conhecem ou até têm ciência, mas por falta de recursos, não conseguem alcançar.

Para atender a essas pessoas, o advogado se dispôs a abrir as portas do Mário Cardi para “ajuizar demandas judiciais, obrigando o Poder Público” a cumprir legalmente seu dever. Mas, para que isso não atinja o código de ética profissional, o pretendente deve comprovar que recebe não mais do que 2 mil reais mensais.

Tavares criou o instituto em 09 de fevereiro de 2018, para homenagear um colega de profissão de quem foi amigo desde a infância. Ambos chegaram em Cuiabá em finais da década de 80 e, além da carreira profissional, galgaram posições de destaque e formaram família. Fundou o instituto como forma de agradecimento a tudo isso e para retribuir o que recebeu da sociedade cuiabana e mato-grossense.

No site institutomariocardi.com.br consta que a sede fica na “Rua Antônio Maria Coelho, 574, Centro Sul, na cidade de Cuiabá. Mário Cardi Filho foi advogado e faleceu em 2014, vítima de câncer, razão pela qual o Instituto desenvolve atividades de assistência social, com foco especial no atendimento a pessoas portadoras de câncer, com o objetivo de prestar esclarecimentos sobre os seus direitos e adoção de medidas judiciais e extrajudiciais para o exercício desses direitos.”


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO




VÍDEO PUBLICIDADE