Cuiabá, 18 de Julho de 2019

VOLTA AO MUNDO
Quinta-feira, 04 de Abril de 2019, 17h:35

REFORMA DA PREVIDÊNCIA

'Nada se falou sobre cargos', diz Bolsonaro sobre reuniões com presidentes de partidos

Gustavo Maia
O Globo

(Foto: Isac Nóbrega/PR)

Depois de ser reunir com presidentes e parlamentares de cinco partidos pela manhã, o presidente Jair Bolsonaro usou as redes sociais na tarde desta quinta-feira para dizer que "nada se falou sobre cargos" durante as audiências, "ao contrário do que propalado por alguns". Segundo Bolsonaro, os encontros representam a união do Executivo e do Legislativo em razão da reforma da Previdência e ocorreram "em alto nível".

O presidente não mencionou quem divulgou que a distribuição de cargos seria tratada nas reuniões. Na quarta-feira, o vice-presidente Hamilton Mourão disse que, caso as legendas concordassem com as propostas do Palácio do Planalto, poderiam ganhar espaço no Executivo , seja nos Estados ou em ministérios.

No mesmo dia, o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, anunciou que Bolsonaro convidaria partidos a participarem oficialmente da base aliada do governo na série de encontros, o que segundo presidentes das siglas não ocorreu.

 

— A partir do momento que esses partidos estejam concordando com o que o governo pretende fazer, é óbvio que eles vão ter algum tipo de participação, seja em cargos nos Estados, algum ministério ou algo do gênero. Isso é decisão do presidente, né? — declarou Mourão a jornalistas na quarta-feira.

As reuniões começaram às 8h30, sempre com a presença de Onyx. Os primeiros recebidos foram o deputado federal Marcos Pereira, presidente nacional do PRB e vice-presidente da Câmara, o senador Mecias de Jesus (PRB-RR) e o deputado Silvio Costa Filho (PRB-PE). Depois de 50 minutos, entraram no gabinete de Bolsonaro o ex-ministro Gilberto Kassab, dirigente do PSD, os senadores Otto Alencar (PSD-BA) e Arolde de Oliveira (PSD-RJ) e os deputado André de Paula (PSD-PE), Diego Andrade (PSD-MG), Júlio César (PSD-PI) e Éder Mauro (PSD-PA).

Às 10h20, Bolsonaro e o ministro da Casa Civil receberam o presidente do PSDB e ex-governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, o senador Roberto Rocha (PSDB-MA) e o ex-deputado federal Marcus Pestana, secretário-geral do partido. Em seguida, o senador Ciro Nogueira, dirigente do PP, a senadora Daniella Ribeiro (PP/PB), Líder do PP no Senado Federal, e Deputado Arthur Lira (PP/AL), Líder do PP na Câmara

Na hora do almoço, o encontro foi com o presidente do DEM e prefeito de Salvador, ACM Neto, e com o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, do mesmo partido. Às 16h30, o presidente terá o último encontro do dia com presidente de legendas, com o ex-senador e ex-ministro Romero Jucá, do MDB.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO




VÍDEO PUBLICIDADE