Cuiabá, 25 de Fevereiro de 2020

CIDADES
Terça-feira, 21 de Janeiro de 2020, 11h:58

“Ajudar sem saber a quem”

Empresário que salvou jovem de suicídio convoca todos à luta contra depressão; ‘Somos todos anjos’

Euziany Teodoro
Única News

Redes sociais

O empresário Thulio Prates, de 25 anos, fez uma publicação em suas redes sociais nesta terça-feira (21), em que agradece o reconhecimento que vem recebendo pela atitude que teve em salvar a vida de um jovem que tentava suicídio, no Portão do Inferno, no sábado (18), e convocou todas as pessoas a agirem da mesma forma: apenas ajudar, “ser um anjo para alguém todos os dias”.

No domingo (19), quando o vídeo do salvamento viralizou (veja abaixo), Thulio passou a receber centenas de mensagens, sendo chamado de “um anjo enviado por Deus”. Offline desde então, hoje ele convoca todos a pensarem sobre o que aconteceu e dar atenção para as pessoas que estão à nossa volta.

“(...) gostaria de pedir que parássemos pra pensar no que ocorreu nesse final de semana. Todos estão falando de herói e anjo o tempo todo, mas na verdade todos nós podemos ser isso todos os dias, ajudando a pessoas que precisam, parando de olhar para si e simplesmente tirando um tempo para conversar com seu filho, marido, mulher ou qualquer pessoa da família”, escreveu.

O jovem que tentou se jogar do ponto turístico estaria enfrentando o fim de um relacionamento e, por isso, decidiu tirar a própria vida. Ele atravessou o carro que dirigia na rodovia e se dirigiu à borda do precipício. No último segundo, Thulio o agarrou e trouxe de volta à calçada, salvando sua vida (veja o vídeo aqui).

“Lembrem-se, todos temos um propósito nessa vida, então vamos começar a fazer o nosso (...). vamos ajudar sem saber a quem”, convocou Thulio. Ele encerrou com uma hashtag importante: #somostodosanjos.

Veja a mensagem completa abaixo:

Galeria de fotos:


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO




VÍDEO PUBLICIDADE