Cuiabá, 25 de Outubro de 2020

CIDADES
Domingo, 27 de Setembro de 2020, 09h:07

LANÇAMENTO

Helder Caldeira chega novamente às livrarias com o poderoso "(Quase) Borboleta"

Única News
Com Assessoria

(Foto: Assessoria)

Depois de ver seu livro “Águas Turvas” tornar-se best seller e uma referência entre os jovens leitores do universo LGBTQ+, Helder Caldeira chega novamente às livrarias com o poderoso “(Quase) Borboleta”, romance de entretenimento que promete sacudir o mercado editorial.

Era uma tarde de sábado e o mundo estava paralisado com o expressivo número de mortos pelo covid-19. No escritório que mantém no segundo pavimento de sua casa, em Cuiabá (MT), o escritor Helder Caldeira foi às lágrimas ao ler uma matéria de 2017 da BBC com relatos comoventes de jovens membros do Reino das Testemunhas de Jeová que foram rejeitados por suas famílias e expulsos de casa, passando a amargar o isolamento e até pensamentos suicidas, sob a pecha de serem pecadores.

A inspiração foi imediata: era preciso falar sobre essa tragédia social e humana vivenciada por adolescentes, principalmente os gays, abandonados à própria sorte por familiares e amigos por conta de dogmas. “A crença na danação como o martelo de um Deus cruel e justiceiro foi a justificativa para os maiores crimes já cometidos contra a humanidade”, escreveu Caldeira.

O embate entre uma história de amor homoafetivo e os preconceitos e dogmas é a força motriz do poderoso “(Quase) Borboleta”, o novo romance que Helder Caldeira acaba de lançar pela Editora Quatro Cantos e que chega às livrarias e nas principais lojas do mercado de varejo a partir de outubro.

O autor não é um estreante no gênero dos romances de entretenimento com protagonismo da temática homoafetiva. Em 2014, seu livro “Águas Turvas”, publicado pela mesma editora, tornou-se um best seller de livraria, conquistando o coração de milhares de leitores, especialmente aqueles entre 14 e 35 anos de idade, conhecidos como “público de ouro”, que fizeram dele uma referência literária.

Em “(Quase) Borboleta”, Helder Caldeira alça voo novamente em uma história de amor homoafetivo. O livro conta a trajetória de Albert, um adolescente do subúrbio, violinista do Reino das Testemunhas de Jeová, que em um capricho do destino encontra seu grande amor, Jared, fotógrafo e artista plástico, famoso por sua arte e por ser filho de duas grandes estrelas do cinema.

O pano de fundo da narrativa é a bela cidade de Vancouver, no Canadá, e é permeada por um turbilhão de adversidades: preconceitos, perseguições da imprensa, o poder do Estado e, objeto de inspiração do autor, os dogmas religiosos. Lastreada por acontecimentos e fatalidades irremediáveis, a obra mergulha em temas contemporâneos, como o impacto das fake news no cotidiano da sociedade e a delicada beleza de uma personagem transgênero em papel decisivo na trama.

(Foto: Reprodução)

livro helder

 

Instigante, o livro é rico em detalhes, de modo que o leitor se transporta com facilidade para os cenários extraordinários de Vancouver e das Montanhas Rochosas e, como em “Águas Turvas”, acrescenta citações marcantes de músicas, criando verdadeira trilha sonora em obra literária, especialidade do autor. Uma boa dose de suspense promete levar o leitor a fortes emoções e expectativas até as linhas finais.

“É responsabilidade e desafio entregar o protagonismo de uma obra literária a um casal gay e uma personagem transgênero, em duro embate contra ditames religiosos, em especial neste momento que vivemos no Brasil, quando se pretende cercear liberdades já consagradas em nome de uma suposta ‘pauta de costumes”, revela o autor. “Escrever é parte indissociável da minha alma e entendo que é preciso entregar aos leitores a possibilidade de sonhar”, conclui Caldeira.

SINOPSE

Jared mora em Vancouver, Canadá, é fotógrafo e artista plástico e, aos trinta anos, já teve várias experiências amorosas. A última delas, com o professor Julian, não deixou boas lembranças. Faz intervenções artísticas sobre as imagens que fotografa e tem notoriedade por suas exposições, mas é especialmente perseguido pelos paparazzi por ser filho de Emma Cartier e Don Kusch, grandes astros do cinema. Sua sexualidade e a notoriedade de seus pais o fazem alvo constante de tabloides.

Já Albert é um adolescente do subúrbio, membro da igreja do Reino das Testemunhas de Jeová, onde toca violino. Vive com a mãe opressora e manipuladora e sofre as inseguranças e dramas inerentes aos seus quase dezenove anos, e sonha com sua primeira experiência amorosa. O destino irá permear o caminho das personagens com muitas adversidades: dogmas religiosos, preconceitos, perseguições da imprensa e fake news, o poder do Estado e fatalidades inarredáveis.

(Foto: Arquivo Pessoal)

Helder Caldeira

 

SOBRE O AUTOR

HELDER CALDEIRA nasceu em Paraíba do Sul-RJ, em outubro de 1978. É escritor e jornalista político, estuda Direito e Investigação Forense e Perícia Criminal. É autor do aclamado romance “Águas Turvas”, também publicado pela Quatro Cantos. Atualmente mora em Cuiabá-MT com o marido Tiago, as duas gatas, Sorte e Maracutaia, e com seu cão Google, fiel companheiro de jornadas.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


MATÉRIA(S) RELACIONADA(S)




VÍDEO PUBLICIDADE