Cuiabá, 20 de Outubro de 2020

CIDADES
Sexta-feira, 16 de Outubro de 2020, 15h:09

REFORÇO

MT ganha batalhão da PM para atuar contra crimes tributários

Abraão Ribeiro
Única News

Marcos Vergueiro / Secom-MT

Na manhã desta sexta-feira (16), o 27º Batalhão de Polícia Militar Fazendário (BPMFaz) foi oficialmente ativado pelo governador Mauro Mendes, o secretário de Fazenda, Rogério Gallo, e o comandante geral da Polícia Militar, coronel Jonildo José de Assis.

A unidade especializada da PMMT está instalada nas dependências da Sefaz, no Centro Político Administrativo (CPA), em Cuiabá, com um efetivo inicial de 50 policiais.

Vinculado administrativo e operacionalmente ao comandante-geral da PMMT, entre as principais atribuições do 27º BPMFaz está o apoio aos agentes da Sefaz no trabalho de abordagem e checagem de cargas e transporte de produtos, em todo o território mato-grossense e na fronteira com outros estados.

A parceria firmada com a Sefaz deve ir além do efetivo próprio do batalhão. A fiscalização tributária contará com o apoio do efetivo da PM em todos os municípios, por meio dos 15 comandos regionais da PM no Estado.

Segundo o governo, o 27º BPMFaz não é uma unidade a mais da PM, e sim um batalhão especializado, com um efetivo capacitado que terá recursos tecnológicos para fiscalizar, registrar e informar irregularidades tributárias.

O governador Mauro Mendes destacou a importância da parceria com a PM para o trabalho de combate à sonegação fiscal. Assinalou que a grande maioria dos cidadãos em todos os setores da economia age corretamente.

“Vamos cobrar somente aquilo que é devido, que está na lei, nada a mais, e queremos que todos paguem corretamente”, disse.

O governador lembrou ainda que combate à sonegação fiscal é uma obrigação do Estado e uma necessidade para melhorar a prestação de serviços.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


MATÉRIA(S) RELACIONADA(S)




VÍDEO PUBLICIDADE