Cuiabá, 15 de Janeiro de 2021

POLÍCIA
Terça-feira, 22 de Setembro de 2020, 10h:35

EM VÁRZEA GRANDE

Bandido morto pela PM tinha 23 passagens criminais, inclusive homicídio

Elloise Guedes
Única News

(Foto: Lapada Lapada)

Um dos criminosos que morreu durante confronto com a Polícia Militar, na noite dessa segunda-feira (21), na Comunidade Formigueiro, zona rural de Várzea Grande, foi identificado como Yan Marlon de Oliveira, de 26 anos, que possui pelo menos 23 passagens pela polícia, sendo uma delas por homicídio. O outro comparsa, que também morreu na troca de tiros, ainda não foi identificado.

Houve perseguição pelas ruas do bairro São Benedito, até que os bandidos fossem atingidos. Antes da troca de tiros, os suspeitos haviam roubado um celular no bairro Paiaguás.

Os criminosos estavam em um Renault Clio, quando roubaram um celular. Na fuga, eles se deparam com uma equipe da Polícia Militar que realizava rondas na região.

Ao deparar com os bandidos, os policiais deram ordem de parada, mas eles não obedeceram, iniciando, assim, a perseguição. Quando chegaram na zona rural, dois passageiros desceram atirando contra os militares e o condutor do veículo fugiu.

Conforme os policiais, em busca pelo sistema, constatou que Yan tinha 23 boletins de ocorrência contra ele pelos crimes de ameaça, lesão corporal, roubos, receptação e homicídio.

Havia suspeita de que Yan fosse o mesmo criminoso que assaltou mãe e filha, na última quinta-feira (17), no bairro Bosque da Saúde, mas a polícia não confirmou.

A Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) está investigando o caso.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


MATÉRIA(S) RELACIONADA(S)




VÍDEO PUBLICIDADE