Cuiabá, 28 de Maio de 2024

POLÍCIA Sexta-feira, 24 de Novembro de 2017, 16:18 - A | A

24 de Novembro de 2017, 16h:18 - A | A

POLÍCIA / MÃE AJUDOU NO CRIME

Encontro marcado no Facebook termina com jovem raptada e estuprada

Daffiny Delgado



Ilustrativa

PM viaturas

 

Uma jovem identificada como R.A.S., de 19 anos, foi resgatada pela Polícia Militar na manhã desta sexta-feira (24), após ter sido mantida presa na residência onde foi estuprada por um homem que conheceu pelo Facebook. A residência de onde a jovem foi salva fica no Bairro Jardim Panorama, em Várzea Grande.

 

Conforme boletim de ocorrência, o resgate ocorreu após a mãe da vítima acionar a polícia e mostrar a localização da casa do suspeito, que a filha havia lhe mandado por meio do WhatsApp.

 

A vítima disse aos militares que começou a conversar com Kaique Luiz de Oliveira, de 25 anos, pelo Facebook no final de semana e nesta quinta-feira (23), ele a convidou para ir em sua casa. Após o combinado, o suspeito foi buscar a jovem em uma caminhonete prata, acompanhado da mãe e de um homem de idade.

 

Após algum tempo na residência do suspeito, a jovem pediu para que ele a levasse embora, mas ele se negou. A vítima então, pediu para Izes Marques de Figueiredo (mãe do suspeito), que interferisse e convencesse o rapaz para que levasse a jovem para sua casa. Ela tentou acalmar a jovem e a levou para seu quarto.

 

Em seguida o rapaz teria entrado no quarto agressivo, ameaçando-a de morte e falando que caso ela não fizesse sexo com ele, iria matá-la. O suspeito teria tirado suas roupas, rasgado sua calcinha e sutiã na frente da mãe, que nada fez para intervir.

 

Desesperada e pedindo ajuda, a mulher teria dado apoio ao filho no estupro, não fazendo nada para evitar o crime. O rapaz abusou da jovem e em seguida escondeu suas peças intimas atrás do guarda-roupa e em seguida fugiu.

 

A PM chegou na residência e em conversa com a vítima, ela afirmou que esteve trancada no quarto da mulher por cerca de 19 horas. Ela ainda mostrou onde o suspeito escondeu suas roupas intimas.

 

No local os militares ainda encontraram uma porção de maconha. Os militares foram informados por vizinhos que a mãe e o filho fazem o comércio de drogas na região.

 

 

A mãe do suspeito foi presa e encaminhada para a Central de Flagrantes da cidade. Já Kaique ainda não foi encontrado. O caso ainda está sendo investigado pela Polícia Civil.

FAÇA PARTE DE NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E RECEBA DIARIAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS!

GRUPO 1  -  GRUPO 2  -  GRUPO 3