Cuiabá, 29 de Maio de 2024

POLÍCIA Quarta-feira, 03 de Maio de 2017, 14:59 - A | A

03 de Maio de 2017, 14h:59 - A | A

POLÍCIA / FEMINICÍDIO

Mulher é morta a facadas pelo marido por causa de ciúmes

Outro caso recenete ocorreu na cidade de Tangará da Serra (212 km de Cuiabá)

Karollen Nadeska / Única News



 

 

(Foto: Reprodução)

faca.JPG

 (Imagem ilustrativa)

Mais um caso de feminicídio registrado nessa semana em Mato Grosso. O crime ocorreu na madrugada desta terça-feira (02), no município de Querência (976 km de Cuiabá). A suspeita é de que a morte da esposa de Carlito Lima Sena, de 37 anos, tenha sido motivada por ciúmes. Ela foi esfaqueada.

 

De acordo com a Polícia Militar, Carlito foi preso logo após a descoberta do assassinato cometido na residência do casal. Os vizinhos fizeram o primeiro contato com a guarnição afirmando que a mulher estaria pedindo por socorro. No entanto, ao chegar no endereço, os policiais conseguiram conversar com Carlito e ele ameaçou cortar os pulsos, caso os militares se aproximassem.

 

Mais calmo, o homem revelou que havia matado a esposa, mas continuou com seu plano de não se entregar. Após diversas tentativas de negociação, os policiais entenderam que não havia outra alternativa e receberam ordem para utilizar a arma letal. Com o choque do equipamento autorizado, o suspeito foi imobilizado e levado para a delegacia.

 

Uma equipe de socorristas chegou a ser acionada pela guarnição da PM, mas apenas constou o óbito da mulher. Na delegacia, foi checado que Carlito já possuía passagens por agressão física contra a esposa.

 

O caso possivelmente será investigado pela Polícia Civil e o suspeito poderá responder por homicídio, enquadrado na Lei Maria da Penha, o que também enquadra como feminicídio.

 

Outro caso

 

Outro caso revoltante aconteceu no município de Tangará da Serra (212 km de Cuiabá). Narra a versão das testemunhas, que o marido chegou em casa pedindo explicações. Como a esposa entendeu que não cabia satisfações e mesmo assim resolveu esclarecer, seguiu com o marido para casa do amigo, que inicialmente havia enviado mensagens para o celular dela.

 

Já na casa da vítima, o marido atirou contra o próprio amigo por pelo menos seis vezes, imaginando que a mulher estaria tendo um caso amoroso. Ele morreu na hora, com tiros na cabeça e tórax. A mulher também foi baleada, mas conseguiu sobreviver e posteriormente foi encaminhada para o hospital. O suspeito fugiu.

 

Conforme as testemunhas, os três eram amigos e até sócios de uma empresa, entretanto, a motivação do crime também seria por causa de ciúmes.

 

O caso já está sendo investigado pela polícia local.

 

 

FAÇA PARTE DE NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E RECEBA DIARIAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS!

GRUPO 1  -  GRUPO 2  -  GRUPO 3