Cuiabá, 03 de Abril de 2020

POLÍTICA
Quarta-feira, 11 de Março de 2020, 13h:45

MUDANÇAS NA CONSTITUIÇÃO

A pedido de Janaina Riva, Assembleia definirá nova data para eleição da Mesa Diretora

Ana Adélia Jácomo
Única News

(Foto: Jardel Silva/ALMT)

A Assembleia Legislativa aprovou, nesta quarta-feira (11), Projeto de Emenda Constitucional (PEC) que altera parte da Constituição do Estado de Mato Grosso.  Por 17 votos favoráveis, 2 abstenções e 5 ausências, deve ser alterada a data para a eleição da Mesa Diretora, que ocorre na primeira sessão do mês de setembro a cada dois anos.

O próximo passo antes da segunda votação será a apresentação de uma emenda definindo a data da eleição. A tendência é que a escolha dos novos membros ocorra na ultima sessão antes do recesso de julho.

Um dos objetivos da medida é atender a vice-presidente da Assembleia, deputada estadual Janaina Riva (MDB), que está gestante, com parto previsto para ocorrer em setembro.

“Fica muito melhor assim, porque atende as necessidades da Assembleia e, sem dúvida, é uma demonstração de respeito da Casa com as mulheres. Não dá para ser tão rígido ao ponto de um ambiente onde só tem homens, você vetar a participação feminina”.

Com a antecipação do pleito interno, ela deve participar das discussões, já que ela tem interesse em permanecer na vaga. “Quero trabalhar para pleitear, claro, seja uma presidência ou uma secretaria, mas depois faremos essa conversa sobre os cargos da Mesa Diretora, mas antes a gente quer fazer a antecipação”, disse ela. 

Além do pedido de Janaína, a tentativa de alterar a data da eleição interna da Assembleia teria como motivação vários outros fatores políticos, como por exemplo, as eleições municipais que ocorrem em outubro, data próxima da eleição na Casa.

A coincidência de datas dificultaria a articulação das alianças. Além disso, em 26 de abril ocorre a eleição suplementar ao Senado. Há ainda a indicação da Assembleia para o Tribunal de Contas do Estado (TCE), que deve ser feito ainda este ano.

O presidente eleito e demais membros tomam posse em 1º de janeiro do ano seguinte. O presidente da Casa, Eduardo Botelho (DEM), irá buscar reeleição.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO




VÍDEO PUBLICIDADE