Cuiabá, 15 de Junho de 2024

POLÍTICA Sexta-feira, 24 de Maio de 2024, 06:55 - A | A

24 de Maio de 2024, 06h:55 - A | A

POLÍTICA / NA AVENIDA DA FEB

Mauro afirma que obras do BRT em Várzea Grande devem finalizar em até três semanas

Fred Moraes
Única News



O governador de Mato Grosso, Mauro Mendes (União Brasil), revelou que as obras do Bus Rapid Transit (BRT) em Várzea Grande aceleraram após suas duras críticas públicas. Após afirmar que cogitava romper contrato com a empreiteira da obra, o consórcio BRT agilizou o cronograma das obras do modal na segunda maior cidade do Estado, iniciados há mais de um ano.

Em entrevista à imprensa, Mauro explicou que a agilidade das obras se tornou realidade após ele se encontrar pessoalmente com o presidente de uma das empresas envolvidas no consórcio da construção. Ele diz que segue insatisfeitos com o andamento das obras do modal, mas agora “deixou de ser um problema”.

“Não estou satisfeito com o andamento das obras, já disse isso. Mas, lá já está acabando, está nos finalmente. Embora estavam atrasados, adiantou-se um pouco mais, já não é um problema. O trânsito flui com bastante regularidade, em duas ou três semanas encerrará. Mas, não é satisfatório. Disse isso até com o presidente de uma das empresas do consórcio”, explicou Mauro nesta quarta-feira (22).

O andamento das obras do BRT tornou-se assuntos criticados pela classe política de Mato Grosso. Na semana passada, o deputado estadual Júlio Campos (União Brasil) criticou a execução e cronograma elaborado pelo consórcio. Para ele, “as obras não avançam” e causam um transtorno gigantesco aos munícipes.

“Anunciaram o VLT, houve uma grande euforia, mas um fracasso total. Quebraram Várzea Grande em peso, destruíram tudo, faliram empresas e comércio. Mas, Várzea Grande sobreviveu. Agora, tem o BRT, quebraram novamente tudo e não sai a obra. Não vai para frente, nem para trás. Tudo que faz de manhã quebra de tarde, a cidade tem sofrido muito com essas obras que beneficiarão Cuiabá, mas repercute é no “lombo” dos várzea-grandenses”, disse Júlio.

As obras do BRT iniciaram em abril do ano passado, pelo trecho correspondente à cidade de Várzea Grande. A previsão de entrega seria de nove meses, findando em janeiro de 2024. No entanto, o prazo acabou postergando para o mês de maio e, por fim, até meados de agosto.

Em Cuiabá, a construção do modal iniciou em janeiro deste ano e já foi alvo de diversas “judicializações” provocadas pela Prefeitura de Cuiabá, defensora do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT).

FAÇA PARTE DE NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E RECEBA DIARIAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS!

GRUPO 1  -  GRUPO 2  -  GRUPO 3

Comente esta notícia

EDUARDO AZEVEDO 29/05/2024

Como termina em 2 semanas ??? e o prolongamento da Av João Ponce de Arruda ??? e o terminal Maggi ???

1 comentários

1 de 1