Cuiabá, 23 de Janeiro de 2021

RADAR NEWS
Quarta-feira, 05 de Agosto de 2020, 12h:36

MAIS UMA PERDA

Morre cacique Aritana, liderança do Alto Xingu, com coronavírus

Única News

Reprodução

Faleceu o cacique Aritana Yawalapiti, liderança do Alto Xingu, vítima de Covid-19.

“Representa uma grande perda para o Brasil, Mato Grosso e todos os povos indígenas", escreveu o senador Carlos Fávaro, primeiro a anunciar a perda nas redes sociais.

O cacique estava internado há 14 dias em um hospital de Goiânia, mas não resistiu à doença e faleceu nesta quarta-feira (5).

O indígena demonstrou cansaço e tosse depois de uma pescaria e foi para a capital goiana por conta própria, após precisar de um cilindro de oxigênio para respirar. Inicialmente, recusou-se deixar a aldeia em Mato Grosso, mas acabou indo para Goiânia depois de uma tomografia apontar que 50% do pulmão já estava comprometido.

No dia 25 de julho, boletim médico divulgado relatou que Aritana Yawalapiti estava sedado, inconsciente, com baixa pressão e respirando com ajuda de aparelhos.

"O chefe ARITANA YAWALAPITI dos povos do Alto Xingu partiu. O grande campeão da luta huka-huka foi derrubado pelo CoronaVírus! O povo Yawalapiti perdeu seu líder amoroso, generoso, conciliador. Um dos mais altivos do Xingu. Um líder não morre jamais", escreveu a página Respeito Etnia Terena, no Facebook.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.




VÍDEO PUBLICIDADE