Cuiabá, 25 de Novembro de 2020

VARIEDADES
Quarta-feira, 21 de Outubro de 2020, 08h:09

"PRIORIZEI OS MENORES"

Após ser processado pela filha, Latino justifica

Cantor teve suas contas bloqueadas por dever R$ 400 mil em pensão para Dayanna Maia

Por RANYELLE ANDRADE
Metrópoles

Foto: Reprodução/Instagram

Após ser processado pela filha Dayanna Maia por dever mais de R$ 400 mil em pensão alimentícia, Latino tentou justificar. “Ela tem 25 anos, trabalha, tem seu próprio dinheiro, não é justo que num momento tão difícil, onde não se pode nem fazer shows, ela queira exigir que o pai pague R$ 400 mil”, disse, em entrevista ao Yahoo.

Segundo o artista, ele assinou um acordo de que pagaria três salários mínimos para a filha até que ela completasse 24 anos. Esse acordo, porém, não foi cumprido.

Latino, que tem outros nove filhos, disse precisou priorizar os menores. “Ajudei até os 18 anos e depois tive que parar. Segurar a barra de 10 filhos? Não é fácil. Tive que priorizar os filhos menores. Não quer dizer que não a ajudei, ajudei muito. Prefiro acreditar que foi uma atitude impensada dela, assim poderei continuar idolatrando minha filha.”

 


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


MATÉRIA(S) RELACIONADA(S)




VÍDEO PUBLICIDADE