Cuiabá, 22 de Janeiro de 2020

POLÍCIA
Quinta-feira, 28 de Novembro de 2019, 16h:18

TRÁFICO MODERNO

Traficante que vendia drogas pelas redes sociais é preso em Rondonópolis

Única News
Da Redação

(Foto: PJC-MT)

Um jovem envolvido no comércio de entorpecentes em de Rondonópolis (a 218 km de Cuiabá) foi preso pela Polícia Judiciária Civil nessa quarta-feira (27), durante diligências da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) do município. Com diversas passagens criminais, Iago da Silva Barbosa, de 19 anos, foi autuado em flagrante por tráfico de drogas.

As investigações iniciaram há duas semanas, após denúncia sobre uma pessoa que estava vendendo drogas, principalmente maconha, por meio de redes sociais.

Com base nas informações, policiais civis passaram a apurar os fatos, conseguindo identificar um endereço no Jardim Rondônia com intensa movimentação de pessoas chegando e saindo da residência.

Conforme apurado, o morador do local era constantemente avistado do lado de fora da casa, à espera dessas pessoas, sempre falando ao celular. Diante das indícios, os policiais civis realizaram a abordagem do investigado.

Na ocasião, o rapaz tentou fugir e ainda jogar o aparelho celular em um terro baldio. A conduta do suspeito é uma determinação de organizações criminosas para não deixar evidências ou materialidade de que se trata de integrante da facção, segundo a PJC.

Perguntado sobre a existência de drogas no local, Iago Barbosa confirmou os fatos. No interior da casa foram apreendidas, em um sofá, uma caixa contendo uma balança de precisão, várias porções de entorpecentes e dinheiro.

Também foram encontradas conversas no celular do suspeito anunciando a venda das substâncias ilícitas, além de um vídeo em que ele confessa o tráfico.

O rapaz foi encaminhado para Derf de Rondonópolis, onde foi verificado que possui antecedentes criminais por receptação, furto e corrupção de menores.

Depois de interrogado, Iago foi autuado em flagrante por tráfico de drogas e, posteriormente, apresentado para audiência de custódia, ficando à disposição da Justiça.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO




VÍDEO PUBLICIDADE