Cuiabá, 21 de Julho de 2024

BRASIL Sexta-feira, 26 de Abril de 2024, 19:35 - A | A

26 de Abril de 2024, 19h:35 - A | A

BRASIL / NO RIO GRANDE DO SUL

Homem se atirou do 3º andar para escapar do incêndio em pousada, diz testemunha

Incêndio em prédio em Porto Alegre deixou dez pessoas mortas; caso aconteceu na madrugada desta sexta-feira, 26.

Da Redação
Terra



A técnica de enfermagem Joneisa Garcia, que passava em frente à pousada em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, que foi atingida por um incêndio que matou dez pessoas, contou que um dos sobreviventes pulou do terceiro andar do prédio para escapar do fogo e que ela ajudou a levá-lo para o hospital.

"Era muito fogo. Estava indo para casa, quando chegamos na esquina, tinha um rapaz muito machucado. Ele disse que se atirou do terceiro andar, ajudamos levando para a Santa Casa, disseram que não era ali, levamos para o HPS (Hospital de Pronto Socorro) e lá deram o atendimento a ele e a esposa", disse Joneisa à RBS TV, afiliada da Rede Globo.

O Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil trabalham para esclarecer o caso que ocorreu na madrugada desta sexta-feira, 26. A hipótese trabalhada é de que o incêndio pode ter sido criminoso.

As chamas começaram por volta das 2h30, no estabelecimento localizado na Avenida Farrapo, na região central da cidade. O Corpo de Bombeiros foi acionado e só conseguiu conter as chamas por volta das 5h. Outras oito pessoas ficaram feridas devido ao incêndio. 

De acordo com o coordenador da Defesa Civil em Porto Alegre, Evaldo Rodrigues de Oliveira Júnior, "trabalha-se com a possibilidade de incêndio criminoso", pois há informações de que um indivíduo poderia ter adentrado a pousada durante a madrugada.

 

FAÇA PARTE DE NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E RECEBA DIARIAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS!

GRUPO 1  -  GRUPO 2  -  GRUPO 3

Comente esta notícia