Cuiabá, 25 de Maio de 2024

CIDADES Segunda-feira, 19 de Junho de 2017, 10:52 - A | A

19 de Junho de 2017, 10h:52 - A | A

CIDADES / PROTESTO

Assentados bloqueiam tráfego na MT-208 por regularização fundiária

Wellyngton Souza / Única News



(Foto: Divulgação)

EG_lzgupdmiwupebcqah2vxmn1nw9kkf1ucqu2ccexkocqzeonv.jpg

 

Um grupo de assentados bloqueiam desde a madrugada desta segunda (19), a rodovia MT-208 próximo de Paranaíta (a 868 km de Cuiabá).

 

Segundo informações da imprensa local, assentados do São Pedro II trancaram a rodovia como forma de chamar atenção do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra-MT) para melhorias no assentamento.

 

Cerca de 70 famílias residem na região de forma precária, como alertou a líder do movimento identificada apenas como Leonor. O tráfico deverá ser liberado ao meio dia, sendo bloqueado novamente de 13 às 18 horas, até que o Incra se posicione com a categoria no decorrer da semana.

 

Ao site Única News, o chefe da unidade do Incra da unidade de Colíder (a 364 km de Cuiabá), Luiz Mauro, afirmou que foi realizado na última semana uma reunião com as pessoas que residem no local. "Informamos a todos e inclusive a líder do movimento, Leonor, de que não era possível realização da reforma agrária no local. Foi acordado um prazo com a categoria, mas eles não estão respeitando", disse.

 

Mauro ressaltou ainda que na tarde desta segunda (19), irá se encontrar com o presidente do Incra, João Bosco para resolver este problema e liberar a pista o quanto antes para evitar maiores problemas.

 

"Estamos cientes do que está acontecendo na região, mas os fiscais alertarem que a área que eles desejam não é possível fazer a desapropriação por estar de forma irregular. Iremos resolver este problema e encontrar, o mais rápido possível, uma solução".

 

Durante o protesto estão permitidos apenas o tráfego de ônibus, ambulância, carros oficiais e cargas vivas. (Com Paranaíta Online)

FAÇA PARTE DE NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E RECEBA DIARIAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS!

GRUPO 1  -  GRUPO 2  -  GRUPO 3

Comente esta notícia