Cuiabá, 29 de Maio de 2024

CIDADES Quarta-feira, 25 de Outubro de 2017, 09:37 - A | A

25 de Outubro de 2017, 09h:37 - A | A

CIDADES / BAIRRO PRAEIRINHO

Justiça defere reintegração de posse e feirantes são retirados da Beira Rio

Wellyngton Souza / Única News



(Foto: Divulgação)

WhatsApp Image 2017-10-25 at 08.46.56.jpeg

 

A Prefeitura de Cuiabá cumpre na manhã desta quarta (25), uma determinação judicial de desapropriação na feira do peixe, na Avenida Beira Rio, próximo a rotatória da Ponte Sérgio Motta. A Polícia Militar está no local para fazer a segurança. A decisão é do juiz Wladys Roberto Freire do Amaral, da 1ª Vara Especializada da Fazenda Pública da Capital. 

 

De acordo com informações preliminares de feirantes do local, é que o ex-prefeito de Cuiabá, Mauro Mendes, durante a gestão, teria feito um acordo com os comerciantes para arcar com o aluguel do espaço, entretanto não cumpriu com o combinado.

 

Os feirantes alegam ainda, que o atual gestor do município, Emanuel Pinheiro, articulava uma negociação, mas até o momento nada foi acordado. A área ocupada hoje por peixeiros que trabalham na região do bairro Praeirinho é de propriedade particular. O local abriga pelo menos 13 comerciantes.

 

Ao Site Única News, a assessoria de imprensa da prefeitura informou que duas reuniões foram realizadas neste ano com os comerciantes, secretários e vereadores.

 

"O prefeito Emanuel Pinheiro tinha o interesse em dar continuidade a negociação, mas o proprietário não quer alugar mais o imóvel. O prefeito pediu então para que os feirantes procurassem um outro terreno na região para que pudessem continuar com o comércio. Aquela região não tem nenhuma área que pertence a prefeitura e o proprietário deu prazo para vender", disse.

 

Durante a reunião em julho deste ano, o presidente da Associação do bairro, Aécio Nascimento, sugeriu que os peixeiros possam exercer suas funções em uma área que fica localizada na Associação dos moradores do bairro Praeirinho. “Desde 2006 fomos tirados da avenida Beira Rio e recolocados no Praeirinho, na época a prefeitura pagou apenas seis meses e agora depois de quase 11 anos, fomos despejados e não temos lugar para ir”, afirma Aécio.

 

Ainda de acordo com a prefeitura, foi pedido aos feirantes para que procurassem um outro ponto, inclusive o Executivo relatou ainda, que o secretário de Meio Ambiente, Juares Samaniego, apresentou um projeto sobre a construção de um novo espaço mais apropriado e com divisórias de boxes.

 

"Os proprietários exigiram que seja feito naquela região, mas infelizmente a prefeitura não tem uma área específica no momento. Então está sendo cumprido com uma determinação judicial".  

 

Segundo informações do Coronel Bastos, não houve nenhuma repressão por parte dos feirantes. A ação começou por volta das 7 horas da manhã. "Os comerciantes inclusive já haviam sido notificados da decisão. Alguns deles já providenciaram a retirada de refrigeradores".

 

Atualizada às 10:43 - Confira nota na íntegra da prefeitura: 

 

"O secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano, Juares Samaniego, afirma que a desocupação da área ocupada por vendedores de peixes da Avenida Beira Rio não está relacionada a nenhuma ação da atual gestão municipal.

 

O secretário explica que a gestão foi procurada por uma comissão, representando a Associação dos Peixeiros, para tentar intermediar a permanência na área, porém, o proprietário da área manifestou não ter interesse em renovar o contrato com o município. 

 

O secretário de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico, Vinicius Hugueney, disse que os peixeiros não fazem parte do grupo de permissionários das feiras municipais. 

 

Diante do impasse, a Prefeitura ainda se colocou à disposição para que os vendedores não perdessem a oportunidade de comercializar os produtos, ainda mais em um momento de crise financeira enfrentada em todo o país. 

 

A Prefeitura continua aberta ao diálogo com os comerciantes para que se encontre uma alternativa de uma área pública nas proximidades e que os trabalhadores não fiquem sem renda".

FAÇA PARTE DE NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E RECEBA DIARIAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS!

GRUPO 1  -  GRUPO 2  -  GRUPO 3

Álbum de fotos

(Foto: Divulgação)

(Foto: Divulgação)

(Foto: Divulgação)

Comente esta notícia