Cuiabá, 21 de Julho de 2024

CIDADES Sábado, 11 de Maio de 2024, 11:10 - A | A

11 de Maio de 2024, 11h:10 - A | A

CIDADES / NÚMERO SALTOU

Mato Grosso registrou quase 900 mortes no trânsito em 2023

O número caiu de 629 para 574 entre 2020 e 2021, já em 2022 baixou para 565. Mas no último ano, as ocorrências com morte aumentaram em mais de 57%

Christinny dos Santos
Única News



Em 2023, foram registradas 891 mortes caracterizadas como acidentais ou homicídio culposo no trânsito, no estado de Mato Grosso. O número caiu de 629 para 574 entre 2020 e 2021, já em 2022 baixou para 565. Mas no último ano, as ocorrências com morte aumentaram em mais de 57%.

De acordo com o Anuário de Segurança Pública de Mato Grosso, as Regiões Integradas de Segurança Pública (Risp) que mais registraram mortes no trânsito foram a Sinop (131) e Cuiabá (113).

A Risp Sinop engloba também os municípios de Cláudia, Feliz Natal, Santa Carmen, União do Sul, Vera, Ipiranga do Norte, Nova Ubiratã e Sorriso. Já os municípios no Risp de Cuiabá são: Chapada dos Guimarães, Nova Brasilândia, Planalto da Serra, Barão de Melgaço, Santo Antônio do Leverger.

Confira o ranking de Risp que mais registraram mortes e acidentes de trânsito no estado:

Risp Número de mortes
Sinop 131
Cuiabá 113
Várzea Grande 90
Tangará da Serra 74
Nova Mutum 71
Rondonópolis  58
Alta Floresta 54
Guarantã do Norte 54
Juína 47
Primavera do Leste 40
Pontes e Lacerda 37
Cáceres 37
Vila Rica 36
Água Boa 30
Barra do Garças 19

As vítimas

Mais de 80% das vítimas, ou seja, 727, são homens. Apenas 163 vítimas eram mulheres e somente um pessoa não teve o gênero definido. Entre homens e mulheres, 512 pessoas tinham idade entre 30 e 64 anos. A segunda maior faixa etária de mortes é de jovens que tem entre 18 e 29 anos.

FAÇA PARTE DE NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E RECEBA DIARIAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS!

GRUPO 1  -  GRUPO 2  -  GRUPO 3

Comente esta notícia