Cuiabá, 28 de Fevereiro de 2021

GERAL
Domingo, 24 de Janeiro de 2021, 11h:06

VEJA COMO AJUDAR

Pais criam Vakinha para pagar R$ 200 mil em cirurgia do filho com doença de malformação no crânio

Vithória Sampaio
Única News

(Foto: reprodução)

O menino Noah Miknow de Almeida, de apenas 4 meses de idade, foi diagnosticado com uma doença de malformação do crânio, a Trigonocefalia. Para conter a doença, ele precisa fazer uma cirurgia que custará R$ 200 mil, incluindo gastos com hospital e cirurgia. 
 
Para conseguir realizar os procedimentos, os pais do pequeno, a técnica de enfermagem Débora Miknow de 27 anos e o autônomo, Alex se Almeida de 26, decidiram pedir a ajuda através de uma “Vakinha Online”. 
 
No Instagram, a mãe Débora, relatou que Noah foi um bebê planejado e desejado por todos da família. 
 
Ele nasceu de 39 semanas, aparentemente saudável, mas aos 2 meses, ao ser levado ao pediatra, foi detectado que ele não possuía moleira na cabeça. A partir deste dia, os pais passaram a buscar outros especialistas referente ao caso. 
 
Em uma das consultas, uma neuropediatra indicou números de médicos do estado de São Paulo, onde é referência sobre esse caso.
 
“Os próprios médicos de Cuiabá, indicaram que procurassemos realizar o tratamento em São Paulo, devido a estrutura e a facilidade maior em achar um especialista no caso”, disse a mãe.
 
Bastante emocionada, Débora relatou que a família não tem todo o dinheiro, mas que fará o "possível e o impossível pela recuperação e vida do filho". 
 
Já em São Paulo, eles encontraram um médico especialista no caso. Bastante atencioso e humano, ele propôs aos pais que pagassem primeiramente a parte hospitalar, a qual eles necessitam do recurso urgentemente e depois a parte dele, pois a prioridade é realizar a cirurgia e resolver o problema de Noah. 
 
Noah tem cranioestenose do tipo Trigocenofalia, quando a sutura da testa fecha antes da hora. Para o problema ser resolvido, é necessário fazer a abertura desta sutura fechada com a cirurgia. Tornando assim possível o crescimento da cabeça ocorrer de forma uniforme e normal, e sem riscos neurológicos.
 
Segundo a mãe explicou, será necessário mexer nos olhos também, pois com o fechamento desta sutura, em direção contrária pode ter a pausa no crescimento, já que a cabeça de Noah, não está crescendo, conforme o corpo, tornando assim a medida ocular da distância entre os olhos menor que o normal.
 
Os pais fizeram o apelo para conseguir a quantia necessária e salvar a vida do filho. 
 
“O que puderem me ajudar será bem vindo, se não puder ajudar, ajude-nos a divulgar. E se puder colocar meu nome em oração para dar tudo certo.Obrigado e que Deus nos abençoe” finalizaram. 
 
Para ajudar, basta clicar aqui (link da vaquinha) ou via Pix: 041.702.281-62.

Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


MATÉRIA(S) RELACIONADA(S)




VÍDEO PUBLICIDADE