Cuiabá, 30 de Maio de 2024

POLÍCIA Quarta-feira, 20 de Setembro de 2017, 09:05 - A | A

20 de Setembro de 2017, 09h:05 - A | A

POLÍCIA / OPERAÇÃO LOKI

Defaz deflagra operação contra prefeito, servidores e empresas de Nova Bandeirantes

Da Redação



Foto: Defaz/MT

operação loki

 

A Delegacia Especializada em Crimes Fazendários e Contra a Administração Pública (Defaz), deflagrou na manhã desta quarta-feira (20), uma operação que visa comprovar indícios de crimes contra a administração pública, peculato, associação criminosa e crime de responsabilidade do prefeito de Nova Bandeirantes.

 

Os principais alvos da operação são, servidores da prefeitura, funcionários de empresas terceirizadas e o próprio prefeito Valdir Pereira dos Santos, conhecido como Rio Branco.

 

Estão sendo cumpridos doze mandados de busca e apreensão em Nova Bandeirantes, Nova Monte Verde e Sorriso. Na operação serão cumpridos também, seis mandados de conduções coercitivas.

 

As fraudes apuradas pela Defaz apontam, desvio de recursos públicos após emissão em duplicidade de documentos denominados Notas de Autorização de Despesas (NAD) e pagamentos ilegais efetuados em caráter de prioridade por serviços não prestados a Prefeitura.

 

As investigações também apuram fraudes na entrega de produtos a Prefeitura, decorrentes de aquisição por processos licitatórios e por compras diretas durante a atual gestão.

  

 

A operação conta com o apoio da Delegacia Regional de Alta Floresta,  do Grupo Armado de Resposta Rápida (Garra) de Alta Floresta, da Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE) e peritos da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec).

FAÇA PARTE DE NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E RECEBA DIARIAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS!

GRUPO 1  -  GRUPO 2  -  GRUPO 3