Cuiabá, 20 de Maio de 2024

POLÍCIA Quinta-feira, 23 de Março de 2017, 14:31 - A | A

23 de Março de 2017, 14h:31 - A | A

POLÍCIA / PRESO NO MÊS PASSADO

Justiça decreta soltura de sargento envolvido na Operação Mercenários

No entendimento do juiz Otávio Affi Peixoto, o suspeito não represente perigo para sociedade, levando em consideração seus 19 anos de carreira militar

Da Redação



 

 

(Foto: Internet)

 

A Justiça de Mato Grosso (TJMT), por meio da 1ª Vara Criminal de Várzea Grande, determinou a soltura do sargento da Polícia Militar, Laércio Salvaterra Flores, preso após ter sido apontado como membro de uma organização criminosa que atuava na região do Bairro Cristo Rei, em Várzea Grande.

 

No entendimento do juiz Otávio Affi Peixoto, o suspeito não represente perigo para sociedade, levando em consideração seus 19 anos de carreira militar.

 

Laércio foi preso em fevereiro de 2017, na Operação Mercenários deflagrada pela Polícia Civil. Além do sargento, outros PMs e vigias também foram alvos de investigação – supostamente autores de homicídios em VG.

 

Ainda de acordo com o magistrado, em tese Salvaterra não possui vínculo com os demais membros do grupo criminoso, de modo que ainda foi possível converter a prisão de preventiva.

 

Operação Mercenários

 

A Polícia Judiciária Civil (PJC), com apoio da corregedoria da Polícia Militar, cumpriu 21 mandados de prisão preventiva, três buscas domiciliares e duas conduções coercitivas, na segunda fase da Operação Mercenários.

 

A ação é desdobramento das investigações dos homicídios praticados em Várzea Grande nos meses de março e abril de 2016, por pessoas associadas a organização criminosa composta por policiais militares e vigias que atuava na região do bairro Cristo Rei.

 

 

FAÇA PARTE DE NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E RECEBA DIARIAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS!

GRUPO 1  -  GRUPO 2  -  GRUPO 3