Cuiabá, 15 de Junho de 2024

POLÍCIA Quinta-feira, 23 de Maio de 2024, 17:36 - A | A

23 de Maio de 2024, 17h:36 - A | A

POLÍCIA / OPERAÇÃO HIDRA

Polícia Civil apreende menores que mataram e decapitaram rivais em MT

Vítimas foram sequestradas, mortas e tiveram suas cabeças decepadas. Corpos foram encontrados a quase 70 Km do local do crime.

Ari Miranda
Única News



A Delegacia de Polícia Civil de Mirassol D’Oeste (313 Km de Cuiabá) deflagrou na manhã desta quarta-feira (22), a Operação Hidra, para cumprimento de oito mandados de internação e buscas contra quatro menores de idade, envolvidos em duas execuções no município, onde as vítimas tiveram suas cabeças cortadas.

Os mandados foram expedidos pela 2ª Vara Criminal de Mirassol d’Oeste. A operação contou com o apoio do GAP, da Polícia Militar.

Durante os trabalhos, dois adolescentes foram apreendidos na cidade de Araputanga (337 Km de Cuiabá) e outros dois em uma fazenda, na zona rural de Porto Esperidião (a 322km da capital). Três deles são investigados pela participação direta nas mortes das vítimas, enquanto que o quarto envolvido atuou no apoio e logística.

A investigação, instaurada pela Delegacia de Mirassol d’Oeste para apurar as mortes de Jakson Francisco de Souza e Ludinei Kennedy Paixão de Andrade, ambos de 19 anos, identificou os adolescentes que atuaram na brutal execução, ocorrida em 2 de março deste ano.

RELEMBRE O CASO: Cabeça de jovem executado por facção criminosa é encontrada em mochila infantil

Os dois foram sequestrados em Mirassol d’Oeste e em seguida amarrados e mortos com disparos de arma de fogo. Depois de mortos, os dois ainda tiveram suas cabeças decepadas pelo bando.

Dois dias depois do sequestro, a Polícia Civil recebeu informação sobre a localização de uma bolsa, próxima a um lava a jato, na estrada do bairro Pôr do Sol, onde foi encontrada uma cabeça humana. No local, os policiais encontram uma mochila escolar infantil, onde estava a cabeça de Ludinei e, junto com ela, bilhetes de uma facção criminosa. A cabeça da segunda vítima foi localizada na sequência das investigações.

Em continuidade às buscas, parte dos corpos das vítimas foram localizadas em uma área de mata, na cidade de Lambari d'Oeste, a quase 70 quilômetros de onde as cabeças foram encontradas. Um veículo incendiado, possivelmente utilizado no sequestro dos jovens, foi localizado também em Lambari.

Durante a apuração para esclarecer os homicídios, a equipe da Polícia Civil, com apoio da PM de Mirassol d’Oeste, chegou a um endereço na cidade de Curvelândia, onde foi presa em flagrante uma mulher de 25 anos, que deu apoio à ação dos infratores, que sequestraram e assassinaram os dois jovens. De acordo com a Polícia Civil, a casa dela foi utilizada para esconder o veículo usado pelos criminosos. Na residência, também foram encontradas peças de roupa com resquícios de sangue das vítimas.

Os menores de idade foram levados para Mirassol d’Oeste e conduzidos à Delegacia para as devidas providências.

FAÇA PARTE DE NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E RECEBA DIARIAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS!

GRUPO 1  -  GRUPO 2  -  GRUPO 3