Cuiabá, 30 de Maio de 2024

RADAR NEWS Sábado, 25 de Março de 2017, 14:20 - A | A

25 de Março de 2017, 14h:20 - A | A

RADAR NEWS / "CARNE FORTE"

Em defesa da carne de MT, Taques propõe uma investigação para não pairar dúvidas

Da Redação



(Foto: Gcom-MT)

Temer-Taques-carne boa.jpg

 

Nesta sexta-feira (24), o chefe do Executivo estadual, Pedro Taques (PSDB), voltou a sair em defesa da carne de Mato Grosso. Chegando a propor que a Polícia Federal faça uma investigação, em uma nova fase, por meio da Operação “Carne Fraca”, para achar  irregularidades na carne do Estado, como foram identificadas em 21 frigoríficos, em várias partes do Brasil.

 

Para o governador, estas investigaçoes são slutares desde que a tese do contraditório seja respeitada. E que as açoes cheguem sob o olhar da razoabilidade e abrindo amplo espaço para a defesa, para que aqueles que eventualmente cometeram ilícitos sejam penalizados. Mas que os inocentes, igualmente tenham voz.

 

Após visita ao presidente Temer recentemente, levando de presente vários cortes de carnes de Mato Grosso, o gestor tucano comprou a briga sobre a qualidade da carne produzida no Estado. Resaltando que 'prova inconteste da qualidade da carne, é que na operaçao da PF, nenhum frigorífico de Mato Grosso foi investigado'.

 

“Os frigoríficos de Mato Grosso estão livres disso, aqueles que cometeram ilícitos têm que ser investigados, desde que respeitado o contraditório e ampla defesa, agora, não podemos generalizar, a carne de Mato Grosso é uma das melhores, a carne brasileira é uma das melhores. Veja por exemplo, se a China deixar de comprar carne do Brasil vai comprar carne da Austrália, e a JBS é o maior frigorifico da Australia. Marfrig está lá também, na Argentina, quer dizer, nós vamos exportar empregos e temos que responsabilizar aqueles que eventualmente cometeram ilícitos” defendeu.

FAÇA PARTE DE NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E RECEBA DIARIAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS!

GRUPO 1  -  GRUPO 2  -  GRUPO 3

Comente esta notícia