Cuiabá, 15 de Junho de 2024

ARTIGOS/UNICANEWS Terça-feira, 23 de Abril de 2024, 09:24 - A | A

23 de Abril de 2024, 09h:24 - A | A

ARTIGOS/UNICANEWS / FELLIPE VALLE

O Som que Cura

Única News



Sabiam que na ortopedia existe uma terapia que utiliza o som para curar lesões?

A terapia por ondas de choque é um tratamento não cirúrgico que envolve a aplicação de ondas sonoras na região lesionada do corpo. Essas ondas mecânicas acústicas têm efeitos físicos, biológicos e químicos que contribuem para a melhoria da dor e a estimulação da cicatrização dos tecidos moles.

Aqui estão os principais fenômenos associados à terapia por ondas de choque:

Ação Mecânica:

As ondas de choque causam a formação de microbolhas que eclodem, fragmentando a fibrose local.

Esse processo ajuda a quebrar o tecido cicatricial e outras aderências, restaurando o movimento normal na área afetada2.

Ação Analgésica:

A terapia por ondas de choque estimula intensamente a área local, liberando enzimas que atuam na fisiologia da dor.

Isso resulta em alívio da dor para pacientes com condições crônicas2.

Ação Vascular:

As ondas de choque provocam congestão vascular e neoformação de vasos sanguíneos na área afetada.

Esse aumento do fluxo sanguíneo contribui para a cicatrização e redução da inflamação

Indicações Clínicas Aprovadas:

A International Society for Medical Shockwave Treatment (ISMST) desenvolveu uma lista de indicações clínicas baseada em evidências científicas. Alguns exemplos incluem:

Epicondilite lateral (dor no cotovelo)

Tendinopatia insercional do tendão de Aquiles

Tendinopatia patelar

Fascite plantar

Capsulite adesiva (dor no ombro).

Pseudoartrose

Pontos de dor (gatilho)

Tendinopatia do manguito

Benefícios:

A TOC aumenta a circulação em torno dos tecidos moles lesados.

Quebra depósitos calcificados (como pedras nos rins).

Estimula células que geram novo tecido ósseo e tecido conjuntivo.

Reduz a dor superestimulando terminações nervosas na área afetada.

Contraindicações e Controvérsias:

Embora seja eficaz, a TOC tem algumas contraindicações e potenciais complicações. Consulte um especialista para avaliar a adequação do tratamento para cada caso.

*Dr. Fellipe Ferreira Valle é formado em medicina pela Universidade de Medicina de Teresópolis -RJ, realizando posteriormente residência médica em ortopedia na Santa Casa de Belo Horizonte onde também realizou especialização em cirurgia do joelho e cirurgia do ombro e cotovelo. É também membro fundador da Sociedade Brasileira de Regeneração Tecidual e Socio efetivo da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia. Professor de medicina na UNIVAG e preceptor da residência de ortopedia da UNIC.
Instagram :@dr.fellipe
Telefone: 65 996774477
[email protected]

FAÇA PARTE DE NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E RECEBA DIARIAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS!

GRUPO 1  -  GRUPO 2  -  GRUPO 3

Comente esta notícia