Cuiabá, 22 de Maio de 2024

CIDADES Terça-feira, 24 de Outubro de 2017, 09:48 - A | A

24 de Outubro de 2017, 09h:48 - A | A

CIDADES / CAPOTAMENTO NA BR 364

Cinco integrantes do Flor Ribeirinha continuam internados após acidente

Daffiny Delgado



Flor Ribeirinha/Divulgação

grupo flor ribeirinha

 

Após o capotamento do micro-ônibus em que 30 integrantes do grupo Flor Ribeirinha acabaram se ferindo na noite de sábado (21), na BR-364, cinco pessoas ainda continuam internadas em dois hospitais de Cuiabá onde três permanecem em observação, um aguarda cirurgia e outro espera realizar novos exames. As vítimas estão no Hospital São Benedito e Pronto Socorro Municipal da Capital (PSMC).

 

O acidente ocorreu após o motorista perdeu o controle do veículo próximo de Nobres (a 151 km de Cuiabá). O grupo seguia para a cidade de Diamantino (a 209 km de Cuiabá), para realizar uma apresentação social, com finalidade de contribuir com o hospital local, como parte da campanha Outubro Rosa, de combate ao câncer de mama.

 

Em entrevista com o coreógrafo e diretor artístico do grupo, Avinner Augusto, ele afirmou que estar vivo é um presente de Deus. “O acidente foi bem feio e estar vivo hoje é um presente de Deus. Pedimos oração para que Deus nos proteja e todos saiam bem dos hospitais. Agora, falta cinco e estamos muito entusiasmados com a recuperação de todos”, disse.

 

Conforme Avinner, a presidente do grupo, Domingas Leonor, também estava no micro-ônibus e teve cortes na coluna. “Mas, ela já saiu do hospital e se recupera bem”, falou.

 

Com o acidente, o grupo de dança teve que cancelar 16 apresentações. Em agosto deste ano, o Flor Ribeirinha foi campeão mundial em um festival de folclore realizado na Turquia. O grupo representou o Brasil e venceu representantes de outros 97 países.

 

O Acidente

 

No dia do acidente os integrantes seguiam em dois veículos. Um micro-ônibus da prefeitura de Diamantino e uma van terceirizada que levava algumas pessoas e mais o material necessário, como por exemplo, os figurinos e adereços para a apresentação do grupo.

 

Com o capotamento, alguns dos dançarinos e músicos tiveram fraturas e foram encaminhados para os hospitais de Nobres e de Diamantino, outros para o Pronto Socorro de Cuiabá.

 

Conforme informações da concessionária que administra o trecho, Rota do Oeste, foram socorridos 10 das vítimas pela equipe de resgate da empresa. Outras pessoas foram socorridas ainda pelas ambulâncias das cidades de Nobres e Diamantino.

FAÇA PARTE DE NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E RECEBA DIARIAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS!

GRUPO 1  -  GRUPO 2  -  GRUPO 3

Comente esta notícia