Cuiabá, 23 de Janeiro de 2021

POLÍCIA
Quinta-feira, 26 de Novembro de 2020, 16h:01

NOVO MÉTODO

CV usa ripa com pregos para dar um “salve” em bandido; ele morreu

Da Redação
Única News

Foto: Reprodução Internet

A facção criminosa Comando Vermelho deu um “corretivo” em Anderson Gonçalo da Silva, de 38 anos, na tarde desta quarta-feira (25), no bairro Capão Grande, em Várzea Grande. Anderson tem várias passagens pela polícia e, ao que tudo indica, foi vítima de um “salve”.

Após levar a surra, o criminoso foi abandonado na porta do Pronto Socorro Municipal de VG por volta das 16h, mas não resistiu aos ferimentos e morreu duas horas depois.

Segundo a delegada Eliane Moraes, da Delegacia Especializada de Homicídios de Proteção à Pessoa (DHPP), Anderson estava com as costas extremamente machucadas e cheia de furos. As autoridades acreditam que ele tenha sido surrado com uma ripa cravejada de pregos.

Os médicos passaram aproximadamente duas horas tentando salvá-lo, mas não conseguiram. Eles disseram que as marcas de pregos nas costas eram intensas e profundas, o que provocou rompimentos de diversos órgãos e muita hemorragia.

Não há mais detalhes sobre o crime, visto que a vítima foi abandonada no hospital. A equipe da DHPP tentou contato com a família e não obteve sucesso.

A delegada informou que as investigações continuam e nesta quinta-feira (26) a equipe está investigando algumas pistas sobre o caso.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


MATÉRIA(S) RELACIONADA(S)




VÍDEO PUBLICIDADE