Cuiabá, 23 de Janeiro de 2021

POLÍCIA
Segunda-feira, 26 de Outubro de 2020, 12h:31

VEJA O VÍDEO

Ex-mister diz que foi baleado em viatura após confusão: ‘Já me mataram aqui’

Vithória Sampaio
Única News

(Foto: Reprodução | Mister)

O empresário e ex-mister de Cuiabá, Michael Bruno Silva Batista, de 29 anos, preso na madrugada desta segunda-feira (26) por tentativa de homicídio, após se envolver em uma briga com um policial no estacionamento da casa de festa Nunn Garden, fez um vídeo dentro da viatura, onde acusa os policias de terem lhe baleado.

Nas imagens, ele conta que a confusão começou após o policial acusá-lo de roubo, quando o manobrista confundiu os carros dos dois – que eram BMW iguais – e entregado a chave errada.

"Chamei meu carro, o cara trouxe um carro igual o meu e outro policial lá, que é amigo meu, esse vagabundo, falou ‘cê tá roubando o carro’. É uma BMW da mesma cor que a minha, só por isso ele falou que eu estava roubando, começou tirar a pistola e meter tiro. Eu fui me defender e o cara começou dar tiro em todo mundo", contou.

Com lesões no rosto devido à confusão, Michael afirma que levou tiros dentro do porta-malas da viatura e que não sobreviveria.

"Eu sei que eles vão me matar, como eles já me mataram aqui, já deram dois tiros em mim dentro do porta-malas. Então, vocês me defendam, por que depois eu não vou conseguir sobreviver. Falaram aqui que vão me matar, mas de boa. Só cuidem da minha filha", finalizou.

A Polícia Militar, informou que o suspeito sofreu somente lesões no rosto e não levou nenhum tiro. Ele foi conduzido e responderá pelos crimes de homicídio doloso tentado e ameaça. A prisão, segundo a PMMT, ocorreu dentro da legalidade, de acordo com o procedimento padrão que o caso requer.

Entenda

Michael Bruno Silva Batista foi preso em flagrante por tentativa de homicídio, na madrugada desta segunda-feira (26), em Cuiabá. Em uma confusão no estacionamento da casa de festa Nunn Garden, Michael atirou em um policial e na própria esposa.

De acordo com o boletim de ocorrência, a briga começou após a policial e o mister terem um desentendimento, quando o manobrista foi entregar os carros dos dois, que por coincidência, são do mesmo modelo, BMW.

Durante agressões, o policial deu um tiro pra cima, supostamente com a intenção de sessar a discussão. No entanto, a partir daí piorou. O policial acabou caindo no chão e Michael pegou a arma e atirou em sua mão esquerda. Um outro tiro acabou atingindo a própria esposa de Michael no braço.

Um bombeiro interferiu e gritou que era da polícia. Não contente, o mister largou a arma e foi para cima do bombeiro, que reagiu dando um soco, que o derrubou, até a chegada da Polícia Militar.

O policial foi levado para o Hospital Santa Rosa e a mulher para Hospital Municipal de Cuiabá (HMC). Até o momento, não há informações sobre o estado de saúde deles.

A Polícia civil está investigando o caso.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


MATÉRIA(S) RELACIONADA(S)




VÍDEO PUBLICIDADE