Cuiabá, 04 de Dezembro de 2020

VARIEDADES
Quinta-feira, 01 de Outubro de 2020, 07h:56

POLÊMICA

Luisa Mell é detonada após agradecer Bolsonaro por lei contra maus-tratos

Internautas apontaram que a ativista não estaria dando atenção aos animais mortos em queimadas no Pantanal

Por Saullo Brenner
Metrópoles

(Foto: Reprodução/Internet)

Conhecida como ativista pela vida dos animais, Luisa Mell se envolveu em uma grande polêmica nesta quarta-feira (30/9). O nome da apresentadora se tornou um dos assuntos mais comentados do Twitter após ela usar o Instagram para agradecer o presidente Jair Bolsonaro.

Acontece que, na terça (29), o chefe do Executivo sancionou o projeto de lei que aumenta pena para crimes de maus-tratos a cães e gatos. Em referência a isso, Luisa publicou um agradecimento público a Bolsonaro.

“Certamente ajudará diretamente nos resgates e denúncias do Instituto Luisa Mell. Obrigada, Jair Bolsonaro”, disse o post, republicado pela ativista — ou seja, ela não foi a autora original.

Apesar da atitude de Luisa de apenas republicar um texto no qual ela era mencionada, os internautas não curtiram e a detonaram no Twitter.

O argumento para a polêmica foi que Luisa estaria se importando mais com cachorro e gato do que com os animais do Pantanal, mortos devido a recentes queimadas. O ambiente na rede social era de revolta.

Por outro lado, houve quem a defendesse. “Luísa Mell tava até semana passada no Pantanal sempre falando das queimadas que tão acontecendo, mas ela não pode comemorar uma lei que todos os protetores de animais lutaram para conseguir, né militantes?”, disparou um perfil.

 


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


MATÉRIA(S) RELACIONADA(S)




VÍDEO PUBLICIDADE