Cuiabá, 22 de Junho de 2024

BRASIL Terça-feira, 14 de Novembro de 2023, 17:21 - A | A

14 de Novembro de 2023, 17h:21 - A | A

BRASIL / RETORNO AO BRASIL

"Emocionante chegada dos filhos do Brasil", diz Lula sobre repatriados de Gaza

Operação Voltando em Paz e os esforços contínuos do Brasil para encontrar uma solução pacífica para o conflito no Oriente Médio foram destaque no programa desta terça

Portal Gov.br



"Finalmente a gente conseguiu receber os filhos do Brasil que estavam fora visitando parentes e foram vítimas de uma guerra insana”. O presidente Luiz Inácio Lula da Silva dedicou a primeira parte do programa Conversa com o Presidente desta terça, 14 de novembro, para comentar o décimo resgate da Operação Voltando em Paz, que trouxe 32 pessoas repatriadas da Faixa de Gaza, no Oriente Médio, na noite de ontem.

Os 22 brasileiros e dez palestinos familiares dos brasileiros trazidos na aeronave VC2 da Presidência foram recebidos em Brasília pelo próprio Lula e por uma comitiva de ministros e de integrantes do comitê de acolhimento do Governo Federal, após dias de empenho do Poder Executivo para conseguir resgatá-los da zona de conflito.

“A chegada deles foi uma coisa emocionante porque você percebe pela cara que são pessoas sofridas. Tinha um companheiro que foi no casamento de uma irmã e depois de três dias que estava lá, aconteceu. As duas meninas que conversei ontem à noite foram com a mãe delas que estava com câncer. E a mãe foi à Faixa de Gaza se despedir da família porque tinha certeza de que não tinha cura e morreu lá. Coisas como essa fazem com que a gente fique muito sensível”, afirmou Lula.

Como no dia anterior, o presidente assegurou que vai manter esforços para resgatar mais brasileiros e parentes que desejem sair da área de conflito. “Nós agora temos responsabilidade de procurar mais brasileiros que estão lá ou tentar ver se a gente consegue liberar parentes de brasileiros lá que querem sair, porque é o mínimo que a gente pode fazer. É ser humano num momento em que os humanos precisam de humanismo”.

 

 

PAZ — O Governo Federal também seguirá atuando com o objetivo de pôr um fim ao conflito e viabilizar a paz no Oriente Médio. “É inadmissível que a gente não tenha uma solução para isso. O Brasil na Presidência do Conselho de Segurança da ONU fez um trabalho extraordinário. Produzimos uma nota que teve apoio de 12 países. Apenas um país teve o direito de vetar e vetou: os Estados Unidos. Isso é incompreensível Por isso brigamos para mudar a ONU”, disse o presidente.

Com a intenção de promover uma convivência pacífica entre os dois povos por meio da existência de dois estados, um judeu e outro palestino, Lula afirmou que o país usará os instrumentos diplomáticos para fazer um apelo à China, que está presidindo o Conselho de Segurança da ONU.

“É preciso que a gente tome outra atitude, que a ONU convoque alguma coisa especial porque essa guerra do jeito que vai, ela não tem fim. Nós temos que garantir a criação do estado Palestino para que eles possam viver em paz junto com o povo judeu”, defendeu.

BALANÇO — Desde o início do conflito no Oriente Médio, já são 1.477 passageiros e 53 animais domésticos resgatados em cinco aeronaves da Força Aérea Brasileira. Cerca de 150 militares e 37 profissionais de saúde (13 médicos, nove psicólogos e 15 enfermeiros) se envolveram na logística. Mais de três mil refeições foram servidas em 315 horas de voo sobre 16 países.

 

FAÇA PARTE DE NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E RECEBA DIARIAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS!

GRUPO 1  -  GRUPO 2  -  GRUPO 3

Comente esta notícia