Cuiabá, 22 de Maio de 2024

CIDADES Quinta-feira, 06 de Julho de 2017, 10:40 - A | A

06 de Julho de 2017, 10h:40 - A | A

CIDADES / REVITALIZAÇÃO DO ESPAÇO

Prefeitura analisa saídas para a badalada praça da Mandioca com moradores e donos de bares

Da Redação



(Foto: Secom/Prefeitura de Cuiabá)

Mandioca- reunião.jpg

 

A Prefeitura de Cuiabá se reuniu com a Associação de Comerciantes da Praça da Mandioca e os moradores da região para dialogar sobre melhorias para o local. Ao longo do encontro, que aconteceu nesta última quarta-feira (05), a Secretaria Municipal de Ordem Pública ouviu os principais apontamentos da comunidade e planejou novas estratégias para garantir o ordenamento público e uma relação harmoniosa entre ambas as partes.

 

O debate franco entre os moradores e comerciantes, sob a mediação da Prefeitura, já surtiu reflexos positivos, conforme pontuou a vice-presidente da Associação de Comerciantes da Praça da Mandioca, Patricia de Oliveira. Segundo a empresária, após alguns contratempos, novos avanços serão feitos com o amparo do poder público.

 

“A reunião que tivemos foi muito produtiva e contamos com a presença do município para solidificar os acordos que firmamos, fortalecendo a fiscalização nos bares e restaurantes. Com este combinado sendo cumprido, nós – como associação – teremos poder para fazer com que as demais pessoas instaladas aqui respeitem as limitações de som e uso de espaço, fazendo valer o próprio documento que todos assinaram”, concluiu. 

 

De acordo com o secretário municipal de Ordem Pública, Leovaldo Salles, a gestão municipal quer encontrar o equilíbrio ideal onde todos possam conviver harmoniosamente sem grandes atritos. 'Não queremos que os bares e restaurantes aqui presentes deixem a praça, assim como também não desejamos de forma alguma que a integridade dos moradores seja comprometida pelo excesso de barulho. Para isto haverá uma fiscalização mais intensa e melhor policiamento, para que os acordos sejam devidamente cumpridos'.

 

Para a dona Vera Lúcia Marques, moradora da região há oito anos, é fundamental que haja a intervenção da Prefeitura, para que o uso da Praça da Mandioca seja normatizado, de forma que a qualidade de vida dos residentes locais não seja arriscada.

 

Já a a vice-presidente da Associação de Comerciantes da Praça da Mandioca, Patricia de Oliveira, pontua que o debate franco entre os moradores e comerciantes, sob a mediação da Prefeitura, já surtiu reflexos positivos. Mas aposta que os 'velhos contratempos', terão fim com o amparo do poder público.

 

“A reunião que tivemos foi muito produtiva e contamos com a presença do município para solidificar os acordos que firmamos, fortalecendo a fiscalização nos bares e restaurantes. Com este combinado sendo cumprido, nós – como associação – teremos poder para fazer com que as demais pessoas instaladas aqui respeitem as limitações de som e uso de espaço, fazendo valer o próprio documento que todos assinaram”, concluiu. 

 

FAÇA PARTE DE NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E RECEBA DIARIAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS!

GRUPO 1  -  GRUPO 2  -  GRUPO 3

Comente esta notícia