Cuiabá, 21 de Junho de 2024

POLÍCIA Segunda-feira, 29 de Abril de 2024, 16:26 - A | A

29 de Abril de 2024, 16h:26 - A | A

POLÍCIA / GUERRA DE FACÇÕES

Faccionados são presos com arsenal do Comando Vermelho em Sorriso

Um dos suspeitos confessou que estava designado por um preso da PCE para executar desafetos da facção “Tropa do Castelar”.

Ari Miranda
Única News



Um arsenal composto por diversas armas e munições do Comando Vermelho foi apreendido pela Rondas Ostensivas Tático Móvel (Rotam), na noite desse domingo (28), em Sorriso (397 Km de Cuiabá). De acordo com os militares, os armamentos seriam utilizados na guerra entre facções criminosas, que vem acontecendo desde 2022 no município, situado no norte do estado.

Junto com as armas, dois suspeitos foram presos. Um deles confessou que tinha a missão de matar rivais da “Tropa do Castelar”, facção mato-grossense formada por dissidentes do Comando Vermelho.

Segundo o boletim policial, um dos suspeitos, identificado apenas como “Eduardo”, já estava sendo monitorado pela equipe da Rotam e Batalhão de Operações Especiais (Bope). Além das armas, o criminoso estava com um carro roubado, que conforme a PM, foi utilizado para cometer vários crimes no município.

Inicialmente, os policiais encontraram Eduardo em frente a uma loja de departamentos da cidade. Com o criminoso foi encontrada uma pistola, a qual ele alegou que teria ido ao local para repassá-la a um comparsa.

Sabendo do encontro, os policiais do BOPE aguardaram escondidos a chegada do segundo criminoso, identificado apenas como João Vitor, que foi surpreendido pela equipe policial e detido.

Imediatamente, o criminoso contou aos policiais sobre sua ligação com o Comando Vermelho e a missão que recebeu de executar rivais, designada por um líder da facção de apelido “Americano”, que cumpre prisão na Penitenciária Central do Estado (PCE), destacando ainda que tinha várias armas da facção em sua casa.

Com a prisão da dupla, os policiais foram até a casa do criminoso, onde encontraram várias armas, incluindo pistolas, revólveres, metralhadora, uma espingarda calibre 12, além de 280 de munições calibres e pentes para as armas.

Os dois criminosos e o material apreendido foram levados à delegacia para as devidas providências

O caso é investigado pela Polícia Civil.

FAÇA PARTE DE NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E RECEBA DIARIAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS!

GRUPO 1  -  GRUPO 2  -  GRUPO 3