Cuiabá, 18 de Janeiro de 2021

POLÍTICA MT
Domingo, 29 de Novembro de 2020, 14h:09

BOLETIM DAS ELEIÇÕES

Boca de urna, transporte ilegal e tumulto marcam manhã de eleições em Cuiabá

Elloise Guedes
Única News

(Foto: TRE-MT)

O segundo boletim do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), anunciado pelo juiz auxiliar Lídio Modesto, no início da tarde deste domingo (29), mostra que até o momento, cinco pessoas foram detidas e encaminhadas ao “Cadeião”, na Casa da Democracia. Entre os crimes estão: boca de urna, transporte irregular de eleitores e um tumulto eleitoral.

O primeiro caso é de uma senhora, identificada como Hilda Ribeiro, moradora do bairro Oito de Abril, que foi filmada conversando com pessoas na frente de sua casa e supostamente pedindo votos para seu candidato. Ela alegou que estava apenas conversando com seu genro.

O segundo caso é do suspeito identificado como Tercio Antônio de Resende. Ele estava em frente da Escola Joaquina Cerqueira Caldas, com 116 santinhos de candidato à Eleição Municipal dentro do veículo.

O terceiro caso é de um homem que estava abordando pessoas na Escola Quirino de Freitas. Ele foi identificado como João Batista Benevides Rocha, vulgo “Tito”. Ele foi conduzido ao cadeião por estar abordando as pessoas. O suspeito ainda foi alertado a parar com a conduta, ignorou, o que acabou gerando tumulto no local.

O quarto caso é de um homem que transportava pessoas irregularmente. Ele ainda não foi identificado.

O vereador reeleito Marcrean Santos, que foi flagrado transportando eleitores e fazendo boca de urna na porta de uma escola, não está detido, mas um boletim de ocorrência foi lavrado para dar seguimento ao caso.

Em relação às urnas, até o momento 11 delas apresentaram problemas e outras sete precisaram ser substituídas neste 2º turno

De acordo com Lídio Modesto, até o momento a eleição em Cuiabá está sendo considerada tranquila e que nada de mais grave aconteceu. "A transparência da Justiça Eleitoral se faz presente nas eleições municipais de Cuiabá".

Neste domingo, 378 mil eleitores da Capital deverão decidir entre Abílio Júnior (Pode) e Emanuel Pinheiro (MDB) para governar a cidade.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


MATÉRIA(S) RELACIONADA(S)




VÍDEO PUBLICIDADE