Cuiabá, 18 de Janeiro de 2021

POLÍTICA MT
Domingo, 29 de Novembro de 2020, 10h:44

"FAKE NEWS"

Vereador grava vídeo negando boca de urna e diz que é ‘desespero’ do adversário

Claryssa Amorim
Única News

(Foto: reprodução)

O vereador reeleito por Cuiabá, Marcrean Santos (PP), gravou um vídeo negando que teria feito boca de urna na manhã deste domingo (29) de eleição. Segundo o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MT), o vereador foi flagrado fazendo transporte irregular de eleitor e boca de urna. Ao ser abordado, teria fugido do local.

No vídeo, o vereador acusou o adversário de Emanuel Pinheiro (MDB) neste segundo turno, Abilio Junior (Podemos), de espalhar fake news sobre ele, ao jogar nas redes sociais que teria sido preso e estava no “cadeião” do TRE-MT.

“Bom dia pessoal. São exatamente 9h50 e nós estamos trabalhando a todo vapor. O candidato desesperado do outro lado, do fake news, já está colocando na mídia que eu fui detido, que estou no cadeião, que fui preso. Isso aí é mais uma invenção do adversário, que já está em desespero. Isso se chama desespero. Estamos juntos e vamos vencer. É 15 meu povo”, disparou.

Em um outro áudio enviado à imprensa, ele explicou que foi votar e ficou apenas conversando com conhecidos no local, quando “o pessoal do adversário se incomodou”.

“Eu só fui votar aqui no meu bairro e fiquei 30 minutos conversando com as pessoas que me conhecem aqui na rua. Aí o pessoal do adversário se incomodou. Mas eu não fui conduzido a lugar nenhum, eu estou bem, estou trabalhando e vamos vencer, com fé em Deus, as eleições hoje. Não aconteceu nada comigo”, disse.

Veja vídeo:

O crime

De acordo com a ocorrência registrada pelo Tribunal Regional Eleitoral, o crime aconteceu na Escola Municipal Orlando Nigro, no bairro Pedregal. Segundo a testemunha fiscal, ele fazia transporte para quatro idosos.

Ele não estava sozinho e quando a Polícia Militar chegou, percebeu o ocorrido, embarcou rapidamente no carro e foi embora.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


MATÉRIA(S) RELACIONADA(S)




VÍDEO PUBLICIDADE