Cuiabá, 21 de Junho de 2024

POLÍTICA Domingo, 14 de Abril de 2024, 11:14 - A | A

14 de Abril de 2024, 11h:14 - A | A

POLÍTICA / ELEIÇÕES MUNICIPAIS 2024

Com cinco parlamentares como pré-candidatos, AL não alterará agenda parlamentar

Segundo Eduardo Botelho, trabalhos seguirão normalmente durante a disputa eleitoral.

Fred Moraes / Ari Miranda
Única News



Cinco deputados da atual legislatura da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) tentarão candidaturas à prefeito nas eleições municipais de 2024, marcadas para o mês de outubro. Três deputados pleitearão a Prefeitura de Cuiabá, e outros dois tentarão a Prefeitura de Cuiabá. Além disso, outro deputado está “em cima do muro” tentando garantir candidatura em Sinop (500 km de Cuiabá).

Apesar de quatro deputados já se movimentarem para a corrida eleitoral, segundo apurado pelo Única News, a Assembleia Legislativa não pretende alterar a agenda da Casa de Leis por causa das eleições municipais.

Segundo o deputado Eduardo Botelho (UB), presidente da Casa de Leis e um dos pré-candidatos à Prefeitura de Cuiabá, o Parlamento Estadual continuará com os trabalhos normalmente, com a realização de duas sessões semanais, sempre as quartas-feiras. “Não tem nada de especial, vamos seguir normalmente”, garantiu.

Além de Botelho, na capital, estão com candidaturas pré-confirmadas os deputados estaduais Lúdio Cabral (PT) e o 'tucano' Carlos Avallone (PSDB). Desses três, o candidato que apresenta um maior desempenho é Botelho, que aparece na liderança em diversas pesquisas desde o ano passado. Lúdio Cabral sempre pontua na terceira colocação, enquanto Avallone sequer aparece nos levantamentos.

Já em Rondonópolis (218 Km de Cuiabá), terceira maior cidade do Estado, os deputados que ensejam administrar o Palácio Cândido Borges são Thiago Silva (MDB) e Cláudio Ferreira (PL). Thiago aparece à frente de Cláudio com uma diferença de até 20%.

Reprodução/VejaBem MT

DILMAR.jpg

O deputado estadual Dilmar Dal Bosco.

NA INDECISÃO

O líder do Governo de Mato Grosso na Assembleia Legislativa, Dilmar dal Bosco (UB), chegou a afirmar à imprensa que desejaria ser candidato em Sinop. No entanto, deixou claro que só iria para a disputa pelo comando da "Capital do nortão" caso recebesse o apoio do presidente do União Brasil em MT, o governador Mauro Mendes.

OUTROS TENTARAM

Em 2023, outros deputados afirmaram que tinham o desejo de saírem como candidatos de seus respectivos partidos, foram: Paulo Araújo (Progressistas) e Diego Guimarães (Republicanos). No entanto, acabaram recuando e declarando apoio para os outros candidatos.

FAÇA PARTE DE NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E RECEBA DIARIAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS!

GRUPO 1  -  GRUPO 2  -  GRUPO 3

Comente esta notícia