Cuiabá, 13 de Julho de 2024

RADAR NEWS Sexta-feira, 16 de Novembro de 2018, 10:44 - A | A

16 de Novembro de 2018, 10h:44 - A | A

RADAR NEWS / OPERAÇÃO MALEBOLGE

STF mantém conselheiro Antônio Joaquim longe do TCE-MT

Da Redação



(Foto: TCE-MT)

Conselheiro Antonio Joaquim,.jpg

 

 

Foi negado ao conselheiro afastado Antônio Joaquim seu retorno ao Tribunal de Contas de Mato Grosso.

 

A decisão desta última quarta-feira (14), foi assinada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, que revela nos autos sobre a necessidade de se manter o afastamento, pelo fato da investigação ainda se encontrar em andamento. E, assim, 'por ora, não vizualisa as razões para revogação da medida'.

 

Antônio Joaquim está afastado desde setembro de 2017, na 12ª fase da Operação Ararath, na "Malebolge".

 

Ele mais outros quatro - o ex-deputado Sérgio Ricardo (já afastado), José Carlos Novelli, Valter Albano e Waldir Teis - foram delatados pelo ex-governador Silval Barbosa de terem recebido R$ 53 milhões em troca da autorização do TCE para o governo dar continuidade nas obras da Copa do Mundo e da aprovação das contas do último ano de governo de Silval Barbosa.

 

O ministro ainda argumentou que  a demora nas investigações se justifica por conta da "complexidade" e da quantidade de investigados, "o que tornaria prematuro e injustificável eventual interrupção imediata do expediente investigatório, bem como das medidas que o acautelam".

 

FAÇA PARTE DE NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E RECEBA DIARIAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS!

GRUPO 1  -  GRUPO 2  -  GRUPO 3

Comente esta notícia