Cuiabá, 19 de Maio de 2024

CIDADES Quarta-feira, 23 de Agosto de 2017, 13:59 - A | A

23 de Agosto de 2017, 13h:59 - A | A

CIDADES / EM RONDONÓPOLIS

Professor da UFMT é demitido suspeito de filmar aluna em banheiro

Wellyngton Souza / Única News



(Foto: Reprodução)

ufmt roo.jpg

 

A Universidade Federal de Mato Grosso de Rondonópolis (a 220 km de Cuiabá), anunciou a demissão do professor do curso de medicina, Marcondes Alves Barbosa da Silva, suspeito de filmar alunas dentro do banheiro do campus.

 

Em setembro do ano passado, uma estudante registrou um boletim de ocorrência contra o docente. Segundo o relato da estudante à polícia, ela entrou na cabine individual, tirou a roupa e percebeu que havia um celular embaixo da porta.

 

Assim que ela deixou o local, ficou do lado de fora esperando para saber quem estava gravando com o celular, quando em determinado momento, o professor saiu.

 

A jovem teria então discutido com o professor que alegou que tinha problemas, mas que logo depois apagaria os arquivos registrados. A Polícia Civil disse à época que Marcondes deve responder a um Termo Circunstanciado de Ocorrência por importunação ofensiva ao pudor.

 

O professor nega as acusações e disse que irá recorrer da decisão para voltar a dar aulas na universidade.

 

Quando o fato ocorreu, algumas estudantes organizaram um protesto contra a violação do direito das mulheres. As jovens se pintaram de vermelho e colocaram uma fica na boca com o dizer "o silêncio aterroriza". O protesto foi realizado em meio às comemorações do aniversário de 40 anos do campus.

FAÇA PARTE DE NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E RECEBA DIARIAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS!

GRUPO 1  -  GRUPO 2  -  GRUPO 3

Comente esta notícia