Cuiabá, 17 de Junho de 2024

CIDADES Segunda-feira, 22 de Janeiro de 2024, 18:55 - A | A

22 de Janeiro de 2024, 18h:55 - A | A

CIDADES / MUDANÇA DE VIDA

Projeto piloto do SER Família Criança em Poconé é elogiado por mães de estudantes

Da Redação
Única News



(Foto: João Reis)

ser família criança.jpg

 

O Programa SER Família Criança, idealizado pela primeira-dama de Mato Grosso, Virginia Mendes, e coordenado pela Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc) em Poconé, tem gerado impacto positivo na vida dos estudantes e de suas famílias.

“Esse programa mudou a vida dos meus filhos. Antes do SER Família Criança, a minha filha não sabia ler, e hoje o desempenho escolar dela e do irmão está excelente. Hoje meus filhos chegam em casa e querem fazer os deveres de casa, e agora até me ajudam com algumas tarefas. O comportamento também mudou bastante. Estão mais obedientes. Só tenho a agradecer por trazerem esse programa para a gente”, contou Jandira da Silva Pereira, mãe de Maria Heloísa (6) e de Luiz Gabriel (8), que participam das atividades na unidade contraturno.

Em Poconé, o programa atende cerca de 500 crianças com idades entre 4 e 12 anos e em situação de vulnerabilidade social, com investimento anual de, aproximadamente, R$ 7 milhões por ano do Governo do Estado.

Para Jandira Pereira, a participação no Programa SER Família Criança possibilitará oportunidades aos filhos dela.

“As crianças ficam lá estudando, fazendo atividades, praticando esportes e danças, ao invés de ficarem nas ruas, aprendendo o que não presta. Com elas no programa, eu fico despreocupada com isso, porque eu sei que a educação e aprendizado que elas têm lá. Por isso, eu já fiz as matrículas dos dois para 2024, e inclui a Elisa, irmãzinha deles, para também participar. Eu só tenho a agradecer pelo programa e pelo cartão do SER Família Criança, que me ajuda com os mantimentos”, declarou. 

De acordo com a primeira-dama Virgnia Mendes, o SER Família Criança tem feito tanto sucesso em Poconé que deverá ser implantado em outros municípios.

“Desde a inauguração, muitas crianças saíram das ruas e pararam de cometer pequenas infrações. O rendimento escolar melhorou, o comportamento no seio familiar também teve mudança positiva. É gratificante ver como o programa está mudando muitas vidas e proporcionando desenvolvimento para essas crianças. Vemos, hoje, que mais um sonho concretizado, dando bons frutos e que, futuramente, será implantado em outros municípios de Mato Grosso”, afirmou.

Segundo a secretária de Assistência Social do Estado, Grasi Bugalho, as crianças assistidas pelo SER Família Criança têm a oportunidade de se desenvolverem e ter um novo olhar para o futuro.

“Iniciamos o programa em março e finalizamos o primeiro ano com histórias de muitas crianças que se desenvolveram. O programa é um espaço em que eles têm a oportunidade de realizar diversas atividades, como aulas de música, balé, capoeira, judô e método cognitivo. Tudo isso muda a mentalidade e a forma com que as crianças se portam dentro de casa. O Programa SER Família Criança é realmente a superação, a esperança, o respeito e a dignidade para o futuro dessas crianças”, pontuou.

Todos os alunos do SER Família Criança recebem as refeições em cada turno, além de uniformes, tanto para aulas de reforço escolar, quanto para participação das atividades esportivas e culturais.

Valdete Paula da Silva Santos, mãe de Wagner Éder, de 7 anos, outro beneficiado pelo programa, também ressaltou a importância do programa na vida escolar do filho.

“Ele tinha dificuldades para pegar o conteúdo na escola, mas, depois que começou a participar do programa, as notas melhoraram muito. O desempenho escolar mudou completamente, fora o comportamento dentro de casa. Antes, as crianças ficavam muito tempo nas ruas e agora está diferente, já que participam do programa. Eu fico despreocupada quando vou trabalhar, porque eu sei que meu filho está seguro, sendo bem cuidado e alimentado. Só tenho a agradecer ao governador Mauro Mendes e a dona Virginia Mendes por esse programa para nós”, disse Valdete.

“Quando eu estudava, nunca tive essa oportunidade que ele está tendo. Acredito que se tivesse esse programa na minha época, eu iria aproveitar, e a vida poderia ter sido diferente. Eu sempre falo para o Wagner aproveitar este tempo para estudar e ter um futuro brilhante lá na frente”, pontuou.

Segundo Wagner, a atividade que ele mais gosta de fazer são as lúdicas e cognitivas, além de praticar capoeira.

“Eu gosto de tudo, na verdade, mas a capoeira e as atividades são as minhas favoritas. Não vejo a hora de retornar para o programa. Eu gosto muito de ir pra lá”, contou.

Programa SER Família Criança

Programa piloto, o SER Família Criança proporciona aos estudantes atividades em regime de contraturno, como oficinas lúdicas, cognitivas, esportivas e culturais, bem como os serviços socioassistenciais, socioculturais, socioeducativos e psicológicos para crianças em situação de vulnerabilidade e alto risco social, auxiliando-os na superação de tais fatores.

Além disso, o SER Família Criança também conta com a parceria do município de Poconé, que doou o terreno para a construção e contribui com parte do custo de manutenção, bem como é responsável pela execução do programa.

FAÇA PARTE DE NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E RECEBA DIARIAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS!

GRUPO 1  -  GRUPO 2  -  GRUPO 3

Comente esta notícia