Cuiabá, 26 de Fevereiro de 2021

POLÍTICA MT
Terça-feira, 19 de Janeiro de 2021, 13h:44

VLT X BRT

Botelho cobra fim das judicializações e abertura de diálogo sobre troca de modal

Aline Almeida
Única News

(Foto: Marcos Vergueiro/Secom-MT)

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (DEM), pontuou em entrevista à Rádio CBN, nesta terça-feira (19), a necessidade de se colocar um ponto final à judicialização, por parte do prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), sobre a troca do VLT pelo BRT.

Botelho destaca que o cenário atrasa cada vez mais a solução. Ele concorda com Pinheiro de que, de fato, há a necessidade urgente de um diálogo entre Governo e Prefeitura.

“Ainda há tempo para essa conversa. O prefeito, se não quiser, não, mas também pode atrapalhar. Creio que não vai fazer isso. Temos, sim, que conversar e dialogar para solução e não politizar”, diz Botelho.

O presidente da Assembleia reforçou ainda que a mudança do VLT para o BRT foi uma questão puramente técnica. Botelho nega que haja “lobby” da parte do Governo ou Assembleia quanto à escolha.

“Foi um estudo puramente técnico. O governador mostrou a diferença entre BRT e VLT. O VLT seria pelo menos 10 anos para terminar. Precisamos de algo factível, que possamos de fato terminar. Se abrisse para discussão politizaria o assunto”, reforça.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


MATÉRIA(S) RELACIONADA(S)




VÍDEO PUBLICIDADE