Cuiabá, 22 de Junho de 2024

POLÍCIA Sábado, 20 de Janeiro de 2024, 16:33 - A | A

20 de Janeiro de 2024, 16h:33 - A | A

POLÍCIA / VÁRZEA GRANDE

Ladrões levam “salve” após roubarem moto e são obrigados a devolver veículo; Vídeo

Vítima estava junto com o filho quando os ladrões anunciaram o assalto. Bandidos foram pegos por faccionados, espancados e obrigados a devolver o veículo à proprietária.

Ari Miranda
Única News



Reprodução

ASSALTO VG.png

 

Uma mulher não identificada teve sua moto, uma Honda Biz de cor branca, roubada por dois ladrões armados durante um assalto, na manhã desta sexta-feira (19), no bairro Jardim dos Estados, em Várzea Grande.

A vítima estava com seu filho na garupa quando foi abordada pelos ladrões, que chegaram de repente e anunciaram o assalto. A ação dos criminosos foi registrada por uma câmera de segurança.

VEJA VÍDEO NO FINAL DESTA MATÉRIA

Nas imagens, é possível ver a mulher chegando em umestabelecimento comercial e estacionando o veículo na calçada. Neste momento, os assaltantes passam pela rua em uma Honda Titan vermelha e ao verem a possível vítima, dão meia volta e o garupa, de arma em punho, aponta um revólver para a vítima e leva a motocicleta, tomando rumo ignorado.

Horas depois do crime, os dois suspeitos do crime, de 18 e 16 anos de idade, deram entrada no Pronto-Socorro de Várzea Grande (PSVG), com lesões provocadas durante uma sessão de torturas, conhecida como “salve”, aplicada por membros de uma facção criminosa.

Conforme a Polícia Civil, além do roubo da moto no Jardim dos Estados, os dois ladrões são acusados de envolvimento no roubo de outra moto em Várzea Grande, onde eles utilizaram uma arma de brinquedo para cometerem os crimes.

Após os casos, os dois foram sequestrados por membros de uma facção criminosa e, além de apanharem durante o “salve”, foram ameaçados de morte. Depois do espancamento, os faccionados levaram os jovens até o local onde eles esconderam as motocicletas, pegaram os veículos e os devolveram para as vítimas.

Só depois de entregarem os veículos, os criminosos deixaram os dois suspeitos no Pronto Socorro de Várzea Grande para receberem atendimento médico. Em seguida, os faccionados fugiram.

O caso é investigado pela Polícia Civil.

FAÇA PARTE DE NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E RECEBA DIARIAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS!

GRUPO 1  -  GRUPO 2  -  GRUPO 3