Cuiabá, 21 de Julho de 2024

POLÍTICA Quinta-feira, 24 de Junho de 2021, 15:01 - A | A

24 de Junho de 2021, 15h:01 - A | A

POLÍTICA / DELATOR DE ESQUEMA

Governo contrata, em regime de urgência, empresa de Alan Malouf por R$ 15 milhões

Thays Amorim
Da Redação



A Secretaria de Estado de Segurança Pública contratou, em regime de urgência, a empresa Novo Sabor Refeições Coletivas para atender reeducandos e servidores das unidades prisionais de Cuiabá, Várzea Grande, e Santo Antônio do Leverger por R$ 15,8 milhões. O extrato do contrato foi publicado no Diário Oficial desta quinta-feira (24).

A empresa Novo Sabor consta, entre seu quadro societário, Alan Malouf, principal delator e articulador da Operação Rêmora, que investigou fraudes na Secretaria Estadual de Educação (Seduc). A empresa do delator também fornece refeições para a Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT). O empresário foi condenado a mais de 11 anos de prisão. 

A vigência do contrato é até dezembro deste ano. Assinaram o contrato o secretário adjunto de Segurança Pública, Carlos George de Carvalho Davim, e Silmar Esteves de Freitas, em nome da empresa.

A autorização de dispensa de licitação, em regime de urgência, foi concedida pelo secretário adjunto na última segunda-feira (21). Em janeiro deste ano, o governo já havia fechado um contrato semelhante com a Novo Sabor, sob o custo de R$ 19 milhões, na época.

Operação Rêmora

A delação de Malouf foi fechada no âmbito da Operação Rêmora, no ano de 2016, em esquema que teria desviado R$ 56 milhões da Seduc, por meio de fraudes em licitações da Seduc.

A operação Rêmora foi deflagrada no dia 3 de maio de 2016, no 2º ano da gestão de Pedro Taques (PSDB), para desmanchar um esquema de fraudes e direcionamento de 23 licitações da Seduc que chegou a R$ 56 milhões para construção e reformas de escolas.

O sócio do buffet Leila Malouf e da Novo Sabor fechou um acordo de colaboração premiada, homologada em 2018 pelo Supremo Tribunal Federal (STF), para devolver aos cofres públicos o montante de R$ 2,2 milhões, em 10 parcelas, sendo apenas duas anuais no valor de R$ 233.308,42 mil.

Veja as publicações do Diário Oficial do Estado:

FAÇA PARTE DE NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E RECEBA DIARIAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS!

GRUPO 1  -  GRUPO 2  -  GRUPO 3

Anexos

Comente esta notícia