Cuiabá, 15 de Janeiro de 2021

POLÍCIA
Domingo, 15 de Novembro de 2020, 13h:40

DE BOCA DE URNA A COMPRA DE VOTOS

Em poucas horas, forças policiais registram ocorrências em 33 municípios

Euziany Teodoro
Única News

(Foto: Divulgação/PJC)

Em seis horas desde o início das eleições neste domingo, 15, as forças policiais já registraram ocorrências por crimes eleitorais em 33 municípios de Mato Grosso. A informação é do juiz auxiliar da presidência do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MT), Lidio Modesto.

A Polícia Federal prendeu oito pessoas, todas por boca de urna. Foram duas situações em Barra do Garças, uma em Várzea Grande, quatro detenções em Sinop e uma em Cuiabá.

Além disso, também há a atuação do Gabinete de Gestão Integrada, que une as forças de segurança da Polícia Militar e Polícia Civil.

Nestes casos, foram detidas várias pessoas por boca de urna, compra de votos, divulgação de propaganda irregular, tentativa de obstrução de eleitor votar, desacato, desobediência e ameaça. Também houve utilização indevida de broches, cartazes, bonés e vestuário, além de uma ocorrência por fornecimento de alimento e transporte a eleitores.

Os municípios em que esses crimes foram registrados são: Cuiabá, Várzea Grande, Barra do Garças, Confresa, Peixoto de Azevedo, Porto dos Gaúchos, Sorriso, Tapurah, Água Boa, Alto Garças, Aripuanã, Campinápolis, Canabrava do Norte, Cláudia, Colniza, Denise, Diamantino, Figueirópolis, Guarantã do Norte, Nortelândia, Nova Mutum, Nova Xavantina, Novo Horizonte do Norte, Novo Mundo, Paranaíta, Paranatinga 1, Pedra Preta, Poconé, Primavera do Leste, Santa Carmem, São José do Xingu, São José do Rio Claro e Sinop.

Urnas – O TRE-MT também registrou problemas com as urnas eletrônicas em várias regiões do Estado. “Tivemos que trocar as urnas em 12 situações. Houve problema com o terminal do eleitor em quatro situações em todo o Estado, com a troca da urna. Também teve problema com o terminal do mesário em três situações”, explicou o juiz Lidio Modesto.

Também houve troca de sete urnas por problemas com baterias e tomadas, e também com a impressão, em que foi feita a troca de bobina.

Ainda houve falta de energia, o que ocasionou atraso no início dos trabalhos, em duas situações: Nova Monte Verde e Distrito de São José do Apuy. Nestes locais, a energia foi restabelecida às 9h45.

Outra situação foi em Alto da Boa Vista, na Escola Indígena Marawatsede, onde foi necessário utilizar bateria de contingência na urna e os trabalhos foram restabelecidos por volta de 11h.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


MATÉRIA(S) RELACIONADA(S)




VÍDEO PUBLICIDADE