Cuiabá, 06 de Julho de 2020

CIDADES
Segunda-feira, 25 de Maio de 2020, 08h:42

COVID-19

Mato Grosso tem 2ª menor taxa de ocupação de leitos de UTI no Brasil, com 12,20%

Euziany Teodoro
Única News

SECOM/MT

O Estado de Mato Grosso tem a segunda menor taxa de ocupação de leitos de UTI exclusivos para a Covid-19, com 12,20% dos leitos ocupados. Do total de 265 UTIs disponíveis, 37 estão sendo usadas por pacientes, ficando atrás apenas de Mato Grosso do Sul, que tem apenas 1,4% dos leitos sendo usados, segundo boletim divulgado neste domingo (24).

Em relação aos leitos de enfermaria, a taxa de ocupação é ainda menor. Do total de 874 leitos clínicos, apenas 31 estão sendo utilizados, até agora, o equivalente a 3,4%.

Os leitos para a Covid-19 ficam em área isolada dos hospitais. O Hospital Metropolitano, em Várzea Grande, é a referencia para tratamento da doença em Mato Grosso. Com ampliação inaugurada na semana passada, oferece, sozinho, o total de 278 leitos, sendo 40 de UTI, para os pacientes do coronavírus.

De acordo com o secretário de Saúde, Gilberto Figueiredo, o Estado vem trabalhando para garantir que a rede de saúde seja capaz de atender a toda a demanda esperada para a Covid-19, tendo em vista que estamos em linha crescente de casos.

Em coletivas online duas vezes por semana, ele tem reafirmado, frequentemente, que a flexibilização das regras de isolamento aumenta os casos, inevitavelmente. A exemplo, uma semana atrás, no domingo (17), haviam 901 casos confirmados da doença e 27 óbitos. Neste domingo (24), já são 1.464 casos e 40 mortes.

“Mato Grosso, hoje, é um dos Estados com pior nível de isolamento entre os estados brasileiros. Os municípios, parece que se esqueceram que temos transmissão comunitária e praticamente flexibilizaram tudo. Vamos ter um número crescente de casos nos municípios, como Várzea Grande, que praticamente parece estar no ritmo normal e é crescente o número de casos”, disse o secretário, em 13 de maio.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


MATÉRIA(S) RELACIONADA(S)




VÍDEO PUBLICIDADE