Cuiabá, 09 de Abril de 2020

POLÍCIA
Sexta-feira, 14 de Fevereiro de 2020, 12h:18

PARA DEFENDER FILHA

Sogro que matou e decepou a mão de genro é preso após se entregar

Única News
Da Redação

(Foto:Reprodução/Facebook)

A Polícia Judiciária Civil do município de Matupá (a 695 km de Cuiabá), cumpriu o mandado de prisão preventiva, na noite de quinta-feira (13), contra o autor do homicídio do empresário Faisal Ibrahim Abdulrahman Younes, de 49 anos.

O suspeito de 59 anos, que é sogro da vítima, teve o pedido de prisão preventiva por homicídio qualificado cumprido pelos policiais civis, logo após se apresentar na Delegacia de Polícia de Matupá.

Conforme a delegada Juliana Rado, o autor do crime se apresentou na noite de quinta-feira (13) sendo interrogado sobre os fatos e acusações. Após depoimento foi cumprida a ordem judicial de prisão preventiva.

O suspeito foi encaminhado para realização de exame de corpo delito e posteriormente para uma unidade prisional, onde ficará à disposição da Justiça.

“Nos próximos dias o inquérito policial instaurado para apurar o caso será concluído, com indiciamento do investigado pelo crime de homicídio qualificado”, destacou a delegada.

O caso

O Empresário Faissal Ibrahim Abdulrhman Younes, de 49 anos, teve a mão decepada, após levar vários golpes de facão de seu sogro, na manhã dessa quarta-feira (12), em Matupá (a 695 km de Cuiabá).

O sogro da vítima teria cometido o crime para defender a filha, que estava sendo agredida pelo marido na frente dele. Faissal não resistiu aos ferimentos e morreu no hospital do município.

O desentendimento do casal teria começado na noite anterior. A mulher do empresário teria saído de casa e foi proibida de levar o filho do casal. Ao retornar para buscá-lo na manhã desta quarta, foi agredida pelo marido.

Desesperada ela ligou pedindo socorro ao pai, que ao chegar e flagrar a situação, partiu para cima do genro, desferindo vários golpes de facão e arrancando sua mão.

 

 


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO




VÍDEO PUBLICIDADE